Actividade económica regional  com forte queda em Janeiro
Diário dos Açores

Actividade económica regional com forte queda em Janeiro

Previous Article Previous Article Governo transfere 1 milhão para a Lotaçor, 1 milhão para a Azorina e cerca de 200 mil euros para estragos do furacão Lorenzo
Next Article Saldo natural agravou-se nos Açores com mais óbitos do que nados-vivos Saldo natural agravou-se nos Açores com mais óbitos do que nados-vivos

Em Janeiro de 2021, o Indicador de Actividade Económica (IAE) apresenta um decréscimo de 3,0%, a maior queda dos meses de Janeiro dos últimos anos, mas um valor em linha com a evolução deste indicador desde Março de 2020, mês em que a pandemia Covid-19 começou a ter maior impacto em Portugal. 
Na análise dos resultados deste indicador, da responsabilidade do SREA, dever-se-á ter presente que o IAE não pretende medir a variação infra-anual do PIB, mas sim retratar o estado geral da economia. 
Assim, dever-se-á reter, sobretudo, informação sobre a evolução em termos de acelerações, desacelerações e pontos de viragem e não o seu valor.  A revisão de valores dos meses anteriores deve-se à atualização dos pesos atribuídos a cada série, à atualização dos valores de algumas das séries de referência e aos ajustamentos decorrentes do tratamento da sazonalidade.

Consumo privado desce

No mês de Janeiro de 2021 o Indicador do Consumo Privado-Açores (IPC) registou, em termos homólogos, um decréscimo de 0,6%. 
Este valor representa uma diminuição de 0,1 pontos percentuais (p.p.) em relação ao valor revisto do mês anterior.

Share

Print
Ordem da notícia16

Theme picker