TSD afirmam que medidas do Governo da coligação  beneficiam trabalhadores
Diário dos Açores

TSD afirmam que medidas do Governo da coligação beneficiam trabalhadores

Previous Article Previous Article PS requer audições urgentes sobre concurso para abastecer ilha do Corvo
Next Article Prisão preventiva para dois suspeitos de crimes de furto qualificado e roubo Prisão preventiva para dois suspeitos de crimes de furto qualificado e roubo

Os TSD/Açores manifestaram ontem apoio ao Governo Regional, congratulando-se com as medidas que o Executivo da coligação já levou a cabo em quatro meses, “para benefício dos trabalhadores açorianos”, referem.
Num comunicado emitido após reunião do seu Secretariado Regional, os TSD/Açores, como estrutura autónoma e vocacionada para a defesa dos trabalhadores e do sindicalismo democrático, dizem-se “empenhados em contribuir para o sucesso das políticas de emprego e [que] nunca deixarão de pugnar por esse objectivo, qualquer que seja a estrutura partidária que suporte o Governo Regional”.
Para Joaquim Machado, Presidente daquela organização, a solução governativa resultante das eleições regionais de Outubro passado “criou justas expectativas nos trabalhadores e estruturas sindicais”.
Desde logo, “pelo propósito evidente de respeitar os direitos dos trabalhadores, a contratação colectiva e o combate à precariedade laboral. Mas também pela inclusão no programa do Governo dos compromissos eleitorais dos partidos que compõem a coligação”, afirmou.
De acordo com o dirigente social-democrata, a recente alteração dos critérios do regulamento de concurso do pessoal docente, que vai reduzir significativamente a contratação sucessiva de professores, por contrapartida com a sua integração na Administração Pública, “é um significativo contributo para a dignificação do emprego público e a estabilidade dos seus agentes, e isso é motivo de satisfação para os TSD/Açores”, disse. “Igualmente muito relevante é o acordo de empresa celebrado entre a SATA e o sindicato representativo dos tripulantes da companhia, facto que não acontecia há mais de uma década”, acrescentou aquele responsável.
Por outro lado, refere Joaquim Machado, a proposta de Orçamento entregue no Parlamento “também inscreve uma medida muito importante para os trabalhadores da Administração Pública, concretamente, a actualização do valor da remuneração complementar em 2,5% e dos respectivos escalões, contribuindo decisivamente para a recuperação do seu poder de compra”.
Os TSD/Açores apelam ainda a que o Governo Regional se empenhe “na resolução de problemas laborais prementes em sintonia com os compromissos eleitorais e as linhas de acção governativa, dando como exemplo os casos dos trabalhadores da RIAC e dos técnicos superiores das áreas de diagnóstico e terapêutica do Serviço Regional de Saúde. 
Na reunião do Secretariado Regional dos TSD/Açores foi decidido manter o adiamento do congresso da organização autónoma até que a situação pandémica na Região propicie condições para reunir cerca de uma centena de participantes, oriundos de várias ilhas do arquipélago.

Share

Print

Theme picker