Cerca de 20 mil açorianos recebem RSI ou subsídio de desemprego
Diário dos Açores

Cerca de 20 mil açorianos recebem RSI ou subsídio de desemprego

Previous Article Previous Article “Sendo S. Miguel a principal porta de entrada, obrigar os viajantes a parar noutras ilhas para chegar ao Pico não é atractivo”
Next Article Sábado, 24 de Abril de 2021 Sábado, 24 de Abril de 2021

No final de Março deste ano, 19.603 açorianos beneficiavam do Rendimento Social de Inserção (RSI) ou da prestação de desemprego.
No Rendimento Social de Inserção estão 14.991 beneficiários, menos do que os 15.167 de há um ano.
No subsídio de desemprego estão 4.612 açorianos, menos do que os 5.369 de há um ano, que recebem um valor médio mensal de 459,95 euros, quando há um ano recebiam 442,27 euros.
O valor médio que cada beneficiário do RSI recebe nos Açores é de 86,62 euros, quando há um ano recebiam 84,17 euros, o valor mais baixo de todas as regiões do país, onde cada beneficiário recebe, em média, acima dos 100 euros. 

 

Metade dos desempregados com menos de 35 anos de idade

Segundo anunciou Duarte Freitas no Parlamento, pelas 20h00 do dia 20 deste mês, estavam inscritos 7.009 desempregados nas agências de emprego da Região.
No mesmo momento, estavam colocadas 8.120 pessoas em programas para a empregabilidade.
Quer isto dizer que, à data de Terça-feira, havia 15.129 pessoas registadas fora do mercado normal de emprego.
Segundo o Secretário Regional da Juventude, a nova série estatística do INE “vem trazer uma maior aproximação a esta realidade”.
De facto, o desemprego trimestral, para o primeiro trimestre de 2021, estimado por amostra, pelo INE, será já calculado pelos parâmetros desta nova abordagem.
Nesta nova série, cujos primeiros resultados serão conhecidos já em Maio, a amostra incluirá não só os ocupados, mas também os activos inseridos no autoconsumo da área agrícola e das pescas. Será um exercício mais próximo da realidade do mercado de trabalho que, em função dos dados de 31 de dezembro e com a população activa que conhecíamos então, nos poderia trazer a uma taxa até 11,6%, comparando com os 5,5% estimados pela anterior série estatística. Dos 7.009 desempregados inscritos, 3.099 têm menos de 35 anos e 3.179 não têm o nono ano de escolaridade.

Share

Print
Ordem da notícia35

Theme picker