Libertado homem que esfaqueou vizinho em  Santo António
Diário dos Açores

Libertado homem que esfaqueou vizinho em Santo António

Previous Article Previous Article Edição de 18 de Novembro de 2021
Next Article Da Geografia com amor Da Geografia com amor

O Tribunal de Ponta Delgada deixou em liberdade, com termo de identidade e residência, um homem, de 36 anos, que usou uma faca de cozinha (com mais de 10 centímetros de lâmina) para golpear no tórax um vizinho, de 32.
A vítima tinha-lhe pedido silêncio, momentos antes, para poder dormir, noticia o Correio da Manhã.
O crime ocorreu pelas 02h30 de sábado, em Santo António, Ponta Delgada.
Ana Salgado, mulher da vítima, André Oliveira, disse àquele jornal que o companheiro “foi bater à porta do vizinho” por este estar a fazer muito barulho.
O agressor saiu para as escadas e desferiu um profundo golpe no tórax de André.
 “Perseguiu o meu marido até à rua para o matar. Um amigo ajudou-o a esconder-se”, explicou.
A vítima foi hospitalizada e na Segunda-feira estava estável.
O agressor foi detido por agentes da PSP.
A Polícia Judiciária não interveio na investigação deste crime.
 Segundo uma fonte judicial explicou ao Correio da Manhã, o Ministério Público entendeu configurar o crime praticado pelo homem como ofensas à integridade física qualificada, mantendo-o na esfera da PSP.
“A pouca gravidade do ferimento, constatada na análise médica feita ao ferido, sustentou a decisão”, explicou a mesma fonte judicial.
A Polícia Judiciária pode, no entanto, vir a ser chamada mais tarde para investigar.

Share

Print
Ordem da notícia222

Theme picker