Política

BE pede explicações sobre contrato público que envolve a Casa da Autonomia
Política

BE pede explicações sobre contrato público que envolve a Casa da Autonomia

“A RTP Açores, no passado dia 11 de setembro, revelou que a Meo Altice, depois de ter ganho um concurso público no valor de 220 mil euros para a digitalização de documentos para a Casa da Autonomia, ao qual correu também a empresa Guia, solicitou a cedência da sua posição ao Governo. Os factos apresentados na notícia levantam suspeitas, no mínimo, de falta de transparência, por isso, o BE exige explicações ao Governo Regional”, começa por explicar em comunicado do BE.

Paulo Margato é o cabeça de lista do PPM pela ilha de São Miguel
Política

Paulo Margato é o cabeça de lista do PPM pela ilha de São Miguel

A “meta eleitoral” da candidatura é a eleição directa de deputados para o Parlamento dos Açores, a fim de “garantir que o povo açoriano passe a ser representado sem farsas, tenha verdadeira liberdade de expressão e se faça ouvir de forma determinante e democrática na nossa vida comunitária”, refere o candidato, num comunicado ontem veiculado. 

Fim dos voos internacionais nas Lajes é retroceder ao tempo de Salazar, diz CDS
Política

Fim dos voos internacionais nas Lajes é retroceder ao tempo de Salazar, diz CDS

Mostrando-se indignado perante o facto de que a SATA deixará de voar para Boston e para Toronto a partir da ilha Terceira, Artur Lima observou que “a Terceira deixa, pela primeira vez em 50 anos, de ter voos internacionais. É preciso recuar ao final dos anos 60 do século passado e ao regime de Salazar para termos noção do retrocesso que esta decisão da SATA significa. O Aeroporto das Lajes foi promovido a apeadeiro: passou a ser o Apeadeiro das Lajes para a SATA e para a TAP”, disse.

BE considera “inexplicável” que não haja orientações para a campanha eleitoral
Política

BE considera “inexplicável” que não haja orientações para a campanha eleitoral

Entendem os bloquistas que “é inexplicável que, passado um mês, além de acusar a recepção da carta, não haja qualquer iniciativa da autoridade sanitária no sentido de dar resposta ao solicitado”. Uma situação que o BE considera “inexplicável” uma vez que a dois meses do acto eleitoral, “os partidos precisam de organizar as suas campanhas, necessitando, por isso, de conhecer as recomendações sanitárias a que devem obedecer”.

Nuno Gomes é cabeça de lista do CDS por São Miguel
Política

Nuno Gomes é cabeça de lista do CDS por São Miguel

Para a Comissão Política de São Miguel do CDS, a candidatura demonstra “a capacidade do CDS, como partido estruturante da nossa autonomia democrática, em congregar esforços e vontades no sentido de corresponder aos desafios do presente e do futuro de São Miguel e da nossa Região”, lê-se em comunicado.

135678910Last