Número de desempregados inscritos nos Açores é o mais baixo dos últimos cinco anos

sergio avila O Vice-presidente do Governo afirmou ontem que o Executivo vai “prosseguir e reforçar” as políticas de criação de emprego que têm permitido reduzir de forma consistente o número de desempregados inscritos nos Açores e que, de acordo com os dados divulgados pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), diminuiu 11 por cento em Novembro, comparativamente ao mesmo mês de 2015.
“Os dados agora revelados pelo IEFP demonstram que o número de desempregados inscritos nos Açores é o mais baixo dos últimos cinco anos” frisou Sérgio Ávila, destacando que “esta realidade demonstra a consistência da estratégia empreendida pelo Governo dos Açores, no sentido de criar medidas e políticas activas de promoção do emprego”.
As Agências para a Qualificação e Emprego registaram em Novembro 9.621 inscrições na Região, o número mais baixo desde Novembro de 2011, ano desde o qual se tem vindo a registar uma redução mensal consistente do número de desempregados inscritos.
Sérgio Ávila destacou ainda o facto dos dados do IEFP se reportarem a um mês em que, tradicionalmente e devido à sazonalidade de alguns sectores de actividade, se regista um aumento no número de inscritos.
“Temos conseguido continuar a reduzir o desemprego, mesmo nas alturas cuja sazonalidade teria, no passado, provocado a variação positiva do desemprego”, frisou.
Para o Vice-presidente, esta conjugação de factores e valores “confirma que estamos no rumo certo e que as medidas empreendidas devem ter continuidade”, no sentido de, “progressivamente, continuar a reduzir o desemprego nos Açores” e “assegurar criação de mais emprego”.
Sérgio Ávila sublinhou, no entanto, que “as medidas tomadas e os resultados alcançados não permitem encarar esta realidade apenas pelo seu lado positivo”, frisando que importa “dar continuidade e reforçar as medidas, de forma a que possamos continuar a reduzir, como temos feito, o desemprego de forma sustentada”.