Banda Rinôçérôse no próximo Monte Verde Festival

Monte Verde Festival - públicoA banda francesa Rinôçérôse, de rock electrónico, vai actuar no próximo Monte Verde Fertival, que decorre de 10 a 13 de Agosto, na Ribeira Grande.
A presença foi confirmada ontem pela organização, em comunicado, juntando-se assim o grupo ao cartaz do evento que já conta com nomes como MGDRV, Ella Eyre, Seu Jorge, DUB FX, SIGALA, Valete e Neev.
“Fighting The Machine” e “Angels e Demons” são alguns dos singles que já se podem ouvir do novo album dos Rinôçérôse, que será apresentado na próxima sexta-feira.
Segundo a organização, estes singles “desvendam um pouco daquilo que se pode esperar da actuação dos franceses em “gosto de 2017 no Monte Verde Festival: um concerto explosivo e incomparável em termos visuais e sonoros, pautado pela energia do rock, o ritmo do house e a alegria de quem produz de forma descomplexada”.
Originalmente formada em Montpellier em 1995 por Patrice Carrie e Jean-Philippe Freu, a banda evoluiu para um colectivo formado por vários artistas e músicos como Florian Brinker, Rémi Saboul, Frédéric Pace e Bnann.
O trabalho da banda pode ser descrito como um fantástico “patchwork” de estilos musicais do qual resultaram músicas como os singles “Le Mobilier” (1999) e “Cubicle” (2006), verdadeiros sucessos mundiais.
Os bilhetes gerais para o Monte Verde Festival estão à venda em www.bol.pt, em todos os postos CTT e em todos os Pontos de Venda Aderentes BOL.

Câmara Municipal de Ponta Delgada homenageia investigador Frias Martins

Frias Martins - biólogoO investigador açoriano António Manuel Frias Martins foi este domingo homenageado pela Câmara Municipal de Ponta Delgada.
“A Câmara Municipal de Ponta Delgada, em parceria com a Sociedade Afonso Chaves, decidiu realizar uma homenagem pública e em vida, a esta personalidade de relevo mundial, a nível científico”, referiu o presidente do município, José Manuel Bolieiro, na cerimónia que teve lugar no Salão Nobre da autarquia, no último domingo.
Na ocasião, o autarca reforçou o contributo do homenageado à sociedade, dublinhando que “Frias Martins acrescentou ao seu estudo um sentido estratégico de notoriedade à Universidade dos Açores, a Ponta Delgada e aos Açores”.
José Manuel Bolieiro destacou ainda, com a personalidade de Frias Martins, é elevada “a investigação, a vida, a ciência, o gosto e o brio, que a natureza representa para os Açores e para o mundo”.
Após a abertura da cerimónia, por parte do presidente do município, Maria Leonor de Medeiros, presidente da assembleia da Sociedade Afonso Chaves, acrescentou que “muitas vezes a qualidade de cientista e de divulgador exemplar de conhecimentos não se conjuga, mas esse não é o caso de Frias Martins”.
No decorrer desta cerimónia,  em que também foi assinalado o aniversário do homenageado, vários colegas, amigos e alunos, presencialmente e em vídeo, relataram a personalidade contagiante, o percurso e o trabalho fascinante ao serviço da ciência e da cultura científica desenvolvido por Frias Martins.

Homem detido por violência doméstica em Ponta Delgada

PSP - camisaUm homem de 63 anos de idade foi detido, no passado sábado, em ponta Delgada, pela prática do crime de violência doméstica.
Segundo foi avançado ontem pela Polícia de Segurança Pública (PSP), no relatório de actividade policial, o homem terá praticado violência “física, psicológica/emocional e económica” sobre a mulher, de 64 anos de idade.
No mesmo dia, a PSP da Maia, concelho da Ribeira Grande, deteve outro homem pelo mesmo crime, após o mesmo ter “tentado agredir a sua cônjuge em plena via pública”.
De acordo com a mesma fonte, em Rabo de Peixe, no seguimento do cumprimento de “mandados domiciliários e de busca em veículo emanados pela autoridade judiciária”, foi detido um jovem de 22 anos de idade suspeito do crime de tráfico de estupefacientes e posse de armas proibidas.
Ao indivíduo foram apreendidas 29 doses de haxixe e “algumas armas brancas”, revelou a PSP.
Durante o fim-de-semana, foram ainda detidos dois condutores alcoolizados, com taxas de alcoolemia de 1,53 e 1,34 g/l e um terceiro condutor pelo crime de desobediência, por se encontrar inibido de conduzir por ordem da DROPTT.
No relatório, a PSP dá ainda conta, quanto à sinistralidade rodoviária, da ocorrência de 19 acidentes de viação, dos quais resultaram seis feridos ligeiros e danos materiais.

SATA promove vinda de grupos de golfistas canadianos à ilha de São Miguel

Jack PrazeresUm grupo de 40 golfistas canadianos, na sua maioria de origem lusa, esteve em S. Miguel na passada semana para a prática da modalidade nos Campos da Batalha e das Furnas, numa viagem em que a representação da SATA em Toronto empenhou os seus esforços, com vista a promoção dos Açores no Canadá.
Carlos Botelho, director da SATA em Toronto, confirmou ao nosso jornal que outros grupos estão em agenda, dependendo do grau de sucesso desta nova experiência.
O grupo de canadianos que se encontra em S. Miguel vem acompanhado pela promotora da SATA naquele país.
Vieram exclusivamente para jogar golfe, apreciar as paisagens da ilha e frequenter a restauração local.
O grupo é liderado pelo conhecido empresário luso-canadiano Jack Prazeres, muito envolvido em iniciativas comunitárias e eventos sociais de ajuda à comunidade.
Jack Prazeres foi homenageado ainda há pouco tempo no Community Living Mississauga, no 27º Jantar Anual Tribute, sendo a receita realizada no Centro de Convenções de Mississauga destinada a cerca de 250 jovens com deficiência.
O empresário, da área da construção civil, já foi presidente de Carassauga e presidente do Centro Cultural Português de Mississauga, disse ao jornal de Mississauga que devolver à comunidade os seus esforços através do voluntariado era de grande importância para ele.
“Vivemos num país com tantas culturas diferentes, juntos e em harmonia, eu queria ser uma parte dessa cultura, apoiando os deficientes. Fiz bem porque estou em posição de ajudar a fazer a diferença.”
Prazeres, residente em Streetsville, está fortemente envolvido com organizações comunitárias como a Sociedade de Caridade Luso Canadense e os Serviços de Apoio ao Português para a Qualidade de Vida.
É também apoiante da Fundação de Diabetes de Crianças e Serviços de Vítima de Peel.
“É um grande sentimento e não há palavras para descrevê-lo”, disse Prazeres, que nasceu em Portugal e veio para o Canadá com a idade de 12 anos.
“Ser escolhido de uma grande cidade como esta é uma honra”.
Nos últimos 26 anos, o jantar de homenagem do CLM arrecadou mais de 1,2 milhões de dólares. Os rendimentos permitem que crianças e adolescentes com deficiência intelectual participem em programas de acampamentos de verão. Fundada em 1955, a CLM é uma organização sem fins lucrativos que presta apoio a mais de 1.700 pessoas com deficiência intelectual, e suas famílias.

Ponta Delgada entre 30 marcas municipais mais atractivas de Portugal

portas da cidadePonta Delgada está no 1º lugar do ranking regional, de negócios, turismo e condições de vida, feito pela Consultora “Bloom Consulting”, em comparação com os 19 municípios açorianos.
Este estudo anual foi divulgado na quarta edição da “Portugal City Brand Ranking”, onde foram apresentados os resultados da classificação dos vários municípios do País nas seguintes categorias: “Negócios”, “Visitar” e “Viver”.
Quanto a nível nacional, esta é a primeira edição que um município açoriano consegue posicionar-se entre as 30 marcas municipais mais atractivas de Portugal. Ponta Delgada surge na tabela nacional em  28º lugar, seguindo-se Angra do Heroísmo na 88ª posição, Horta em 109º lugar e Ribeira Grande na 159ª posição.
O Município de Ponta Delgada, em comparação com o ano passado, regista uma subida de 14 lugares no ranking nacional e na variável “Web Analytics”, os Açores conseguem, pela primeira vez, superar a Madeira no “Bloom Consulting Portugal City Brand Ranking”.
A Consultora “Bloom Consulting” ainda adianta que boa evolução de Ponta Delgada mostra que a presença açoriana no ‘top 25’ pode estar para breve.