Artigos

Aluna do Conservatório de Ponta Delgada no ECHOa Youth Camp 2018

  • Imprimir

joana galvãoA jovem Joana Galvão, de 16 anos, aluna da Professora Isabel Albergaria, na classe de órgão do Conservatório Regional de Ponta Delgada, é representante do município de Mafra no ECHO Youth Camp 2018, graças à sua relação com o património organístico de Mafra, nomeadamente com a sua participação no ECHO Youth Camp de 2017, realizado naquela vila.

O ECHO Youth Camp 2018, que decorre em Treviso (Itália), consiste num master class de órgão, durante o qual jovens estudantes deste instrumento, escolhidos pelos membros desta organização europeia, têm ocasião de trabalhar com os organistas directores artísticos das várias cidades membros, além de assistirem a inúmeros concertos. 

Fundada em 1997, a ECHO (European Cities with Historical Organs) é uma associação de cidades e localidades europeias com um património organístico de referência, da qual Mafra é membro desde 2014. Os restantes membros são Alkmaar (Holanda), Bruxelas (Bélgica), Freiberg (Alemanha), Fribourg (Suíça), Innsbruck (Áustria), Toulouse (França), Treviso (Itália) e Trondheim (Noruega). Das actividades promovidas pela ECHO, destaca-se o ECHO Youth Camp que ocorre anualmente e durante o qual jovens estudantes de órgão escolhidos pelas cidades e vilas membros têm ocasião de trabalhar com os organistas directores artísticos.

Outro importante projecto da ECHO é a ECHOM (ECHO Collection of Historical Organ Music) que tem vindo a editar manuscritos ou impressos antigos nunca editados modernamente ou já indisponíveis. A contribuição de Mafra para a ECHOM é uma nova edição das Flores de música de Manuel Rodrigues Coelho, publicadas em Lisboa em 1620 e constituindo uma das mais importantes obras europeias de música de tecla do séc. XVII.