Adopções de animais com aumento na Ribeira Grande

cão - canil1O número de adopções de cães e gatos e de esterilizações feitas na Casa dos Animais, concelho da Ribeira Grande, registou um “aumento gradual” nos últimos três anos, adiantou a autarquia ribeiragrandense.

“Se em 2016 tinham sido adoptados 701 animais, em 2017 foram 780, enquanto em 2018 foram 691”, aponta o município, em nota de imprensa”.

Quanto ao número de animais esterilizados, através da Casa dos Animais, foram efectuadas 106 esterilizações em 2016, 306 no ano seguinte e 296 em 2018, o que permitiu, segundo a autarquia, “diminuir o número de animais errantes que dão entrada” no estabelecimento.

Os dados foram avançados pela vice-presidente da Câmara da Ribeira Grande, no decorrer de uma visita ao espaço. Tânia Fonseca realçou, na ocasião, que “as acções de sensibilização promovidas ao longo do ano e as feiras de adopções realizadas em parceria com várias instituições do concelho permitiram encontrar uma nova família para as largas centenas de cães e gatos que foram recolhidos da rua.”

Para a vice-presidente, estes números reflectem o “sucesso das iniciativas levadas a cabo pela autarquia ao longo dos últimos anos em parceria com as várias associações e instituições, bem como muitos voluntários, que sempre se manifestaram prontas a ajudar nas campanhas de adopção.”