Alojamento Local perto do meio milhão de dormidas de Janeiro a Julho

Alojamento local - placaNa Região Autónoma dos Açores, no mês de Julho, o alojamento local registou 143,4 mil dormidas, representando um acréscimo homólogo de 35,8%, revelou ontem o SREA. 

De Janeiro a Julho de 2019, no alojamento local registaram-se 494,5 mil dormidas, valor superior em 50,7% ao registado em igual período de 2018.

De Janeiro a Julho, os residentes em Portugal atingiram cerca de 152,7 mil dormidas, correspondendo a um acréscimo homólogo de 36,2%; os residentes no estrangeiro atingiram 341,8 mil dormidas, registando um aumento em termos homólogos de 58,2%.

Neste período registaram-se 142,5 mil hóspedes, apresentando uma taxa de variação positiva de 53,1% relativamente ao mesmo período de 2018. 

De Janeiro a Julho a ilha de S. Miguel com 342,6 mil dormidas concentrou 69,3% do total das dormidas, seguindo-se a Terceira com 49,9 mil dormidas (10,1%), o Pico com 36,4 mil dormidas (7,4%) e o Faial com 34,3 mil dormidas (6,9%).

O SREA explica que o inquérito ao alojamento local foi realizado entre 2014 e 2017 pela DR do Turismo. 

Em 2018, a recolha foi realizada em conjunto pelo SREA e pela DRT, tendo sido transferida gradualmente para o SREA. 

Os dados com referência ao mês de Outubro e seguintes são integralmente recolhidos pelo SREA, resultando num aumento significativo da taxa de resposta. 

De Janeiro a Julho de 2019, a taxa de resposta alcançou os 95%, pelo que uma análise comparativa dos apuramentos de 2019 com os de 2018 terá que ter sempre isso em atenção, pelo motivo de neste inquérito não haver tratamento de não respostas.