Açores registam 31 novos casos de Covid-19 em três ilhas

covid19

Foram diagnosticados 31 novos casos positivos de Covid-19 nos Açores entre Qquinta e Sexta-feira, dos quais 22 foram registados na ilha de São Miguel, oito na ilha Terceira e um na ilha do Faial. Foram ainda registadas sete recuperações na ilha de São Miguel.

O total de casos activos na Região ascende, assim, aos 263, continuando a aumentar o número de cadeias de transmissão local. Com mais três detectadas ontem (duas em São Miguel e uma na Terceira), existem já 18 cadeias activas no arquipélago.

Segundo avançou a Autoridade de Saúde Regional (ASR) no último comunicado actualizado com informação sobre a epidemia nos Açores até às 11 horas de sexta-feira, os números resultam das 1.706 análises realizadas nos dois laboratórios de referência da Região e de testes rápidos realizados por outras entidades.

De acordo com a ASR, no âmbito do rastreio realizado a quem chega à Região, foram detectados dois casos positivos, um na ilha Terceira e outro na ilha do Faial, correspondendo o primeiro a um homem, de 48 anos de idade, e o segundo a uma mulher, de 56 anos, não residentes na Região, provenientes de ligação aérea com território continental português, que apresentaram teste de despiste ao SARS-CoV-2 com resultado negativo à chegada e cuja análise realizada após o sexto dia produziu resultado positivo.

Na ilha de São Miguel, no âmbito da cadeia de transmissão relacionada com um clube de strip em Ponta Delgada, foi detectado um novo caso positivo, referente a um jovem, de 18 anos. Recorde-se que o número de casos ligados a esta cadeia é superior a uma centenas.

Já no contexto da investigação epidemiológica de uma cadeia de transmissão centrada no concelho da Ribeira Grande, a ASR revelou terem sido diagnosticados sete indivíduos do sexo feminino, com idades compreendidas entre 7 e 87 anos de idade, e dois indivíduos do sexo masculino, de 15 e 20 anos.

No decurso da investigação epidemiológica de outra cadeia de transmissão na ilha de São Miguel foi diagnosticado uma menina, de 8 anos.

No comunicado, é ainda avançado que no que toca a uma cadeia de transmissão reportada na passada quarta-feira, 18 de Novembro, foram diagnosticados uma mulher, de 51 anos, e um homem, de 34 anos.

“Foram ainda detectadas duas novas cadeias de transmissão, tendo sido diagnosticados dois indivíduos do sexo masculino, de 62 e 74 anos, contactos próximos de casos positivos anteriormente reportados”, lê-se ainda na mesma nota. 

Também na ilha de São Miguel, foram diagnosticados três mulheres, de idades entre 21 e 42 anos, e quatro indivíduos homens, com idades compreendidas entre 27 e 54 anos de idade, estando os casos em investigação epidemiológica.

Na Terceira, no contexto de uma cadeia de transmissão centrada no concelho da Praia da Vitória e reportada a 17 de Novembro, foi diagnosticado um homem, de 57 anos de idade.

No contexto de outra cadeia de transmissão, também centrada no concelho da Praia da Vitória e reportada no mesmo dia, foram detectados três casos positivos, referentes a uma mulher, de 59 anos, e dois homens, de 30 e 60 anos.

Já no que toca à cadeia de transmissão associada a um restaurante na freguesia de São Mateus foram detectados dois casos positivos, referentes a uma menina, de 9 meses, e um homem, de 62.

Foi ainda diagnosticado, na ilha Terceira, um indivíduo do sexo feminino, de 70 anos, contacto próximo de um caso positivo reportado quinta-feira, configurando uma nova cadeia de transmissão, revelou a ASR.

Quanto às sete recuperações registadas, na ilha de São Miguel, correspondentes a quatro indivíduos do sexo feminino, com idades entre 8 e 43 anos, e três homens, entre 21 e 62 anos, elevando o número total de casos recuperados na Região para 379.

A Região conta agora com 14 cadeias de transmissão extintas e 18 cadeias de transmissão activas, sendo 11 na ilha de São Miguel, cinco na ilha Terceira, uma partilhada entre a ilha de São Miguel e a ilha de São Jorge e uma na ilha de São Jorge.

Há 13 internados nos Açores (9 em S. Miguel e 4 na Terceira) e 2.357 pessoas em vigilância activa.

Até ao dia de ontem, foram detectados na Região 735 casos de infecção pelo novo coronavírus, verificando-se actualmente 379 casos recuperados e 263 casos positivos activos, dos quais 205 em São Miguel, 51 na Terceira, três em  São Jorge, um no Pico e três no Faial.