“Cruzeiros trouxeram 100 mil visitantes aos Açores no ano passado”, anuncia Vítor Fraga

  • Imprimir

vitor fragaO Secretário Regional do Turismo e Transportes dos Açores, Vítor Fraga, revelou ontem que o segmento de cruzeiros ultrapassou, em 2012, a barreira dos 100 mil visitantes no arquipélago.
“Em 2013, face ao que temos em carteira e às escalas já garantidas, estamos em crer que este número continuará em crescendo. Em termos de número de escalas estão previstas mais de 100 para o corrente ano”, revelou Vítor Fraga, ao intervir no seminário sobre “O mar e a engenharia como pilares de desenvolvimento da Região Autónoma dos Açores”, iniciativa da secção regional dos Açores da Ordem dos Engenheiros.
De acordo com a agência Lusa, o Secretário do Turismo apontou que, para 2014, as perspectivas do Governo Regional apontam para que o cenário “seja ainda melhor” do que 2013.
“Este é um sector que está em crescimento fruto do grande investimento que foi feito em infra-estruturas de qualidade pelo Governo dos Açores”, considerou.
Vítor Fraga revelou que as “grandes prioridades” de actuação do Governo Regional no sector dos transportes para os “próximos tempos” apontam para fusão entre as operadoras marítimas regionais Transmaçor e Atlânticoline, o que permitirá “ganhos” a nível de escala e sinergias, bem como uma “maior flexibilidade” e “eficiência” operacional.
Vítor Fraga destacou que no capítulo das prioridades vai ter lugar a implementação de um circuito regular de passageiros e mercadorias, em sistema de carga rodada, entre as ilhas do grupo central do arquipélago dos Açores, com um tarifário “equilibrado” e que será simultaneamente “regulador” do mercado.
O Secretário Regional aponta, ainda, que vai ser estabelecido um regime de obrigações de serviço público para o tráfego regional, visando “dinamizar” os operadores regionais e permitir “maior liberdade de circulação” em toda a região.
Vítor Fraga apontou que outra das prioridades é desenvolver um plano integrado de transportes que será aplicado, numa primeira fase, nas denominadas “ilhas do triângulo” (Faial, Pico e São Jorge).
O titular da pasta do Turismo indicou, ainda, como prioridade a criação de uma escola de formação de marítimos, a par da implementação do Sistema de Controlo do Tráfego Marítimo (VTS).
Outras das metas de Vítor Fraga é a monitorização dos portos dos Açores, visando a prevenção de riscos nas áreas operacionais, promovendo a segurança.
“Outro dos desafios importantes para a região passa por conseguir, junto dos actuais armadores que trabalham com os Açores, desenvolver e potenciar a optimização de rotas de forma a tentarmos reduzir o custo que neste momento existe na entrada e na saída de mercadorias”, declara Vítor Fraga.
O governante revelou que os estaleiros navais de Madalena, vão ser reactivados em parceria com estaleiros externos, que irão promover a “ocupação” da mão-de-obra local e “potenciar” a angariação de outros negócios.