Executivo disponibiliza apoio para Porto Judeu

sergio avila1O Governo Regional dos Açores vai apoiar as quatro empresas do Porto Judeu afectadas pelas intempéries que assolaram aquela freguesia do concelho de Angra do Heroísmo, na ilha Terceira.
A decisão do executivo, contida em despacho do vice-presidente, Sérgio Ávila, estipula um apoio de 75% do valor dos prejuízos verificados, na parte não coberta pelos seguros, permitindo aos empresários minimizar significativamente as consequências das intempéries, podendo assim manter a sua actividade empresarial de forma estável e equilibrada.
Segundo o Gabinete de Apoio à Comunicação Social, os montantes a atribuir, que se fixam entre cinco e oito mil euros, representam um apoio excepcional que se enquadra em políticas do Governo dos Açores que têm por objectivo apoiar o funcionamento de infraestruturas do sector privado danificadas em diversas circunstâncias, designadamente intempéries.
No Porto Judeu já estão a decorrer diversas obras de reconstrução dos estragos provocados pelos temporais, numa acção conjunta das secretarias regionais do Turismo e Transportes e dos Recursos Naturais, prevendo-se para muito breve a sua conclusão.