Câmara de Comércio “desagradada” com greve da SATA

  • Imprimir

sata-internacional1A Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo (CCAH) está “desagradada pelo novo anúncio de greve dos trabalhadores da SATA”, agendada para os feriados e horas extraordinárias entre 1 de Setembro e 31 de Dezembro.
Segundo nota de imprensa emitida pela CCAH, a duração do aviso, quatro meses, provoca “um forte impacto negativo e constrangimentos de ordem muito variada na economia regional, e mais concretamente do sector do turismo”.
Numa altura em que os empresários continuam a fazer um “enorme esforço para manterem os negócios e continuarem a fomentar o emprego na Região, o simples anúncio de greve dá origem imediata a cancelamentos de viagens, e a situação agrava-se diariamente”, reprova a entidade.
No entender da CCAH, “as graves ocorrências da greve de Abril e Maio não tiveram, por parte da empresa SATA, a melhor resposta”. Segundo a mesma, “era bom que a mesma desse a conhecer os prejuízos que realmente teve com essas greves e quais as medidas que adoptaram para os minorar, a fim de que todos pudéssemos ter uma percepção real do impacto directo que estas convocatórias têm nas contas duma empresa que é pública”.
É urgente que se chegue a um entendimento com maior brevidade de modo a conseguir-se remediar alguns dos danos já causados e não provocar mais prejuízos às empresas e famílias da Região.