Detido homem que furtou 46 mil euros em cheques na Fajã de Cima

pspA Polícia de Segurança Pública (PSP) deteve, no último sábado, um homem, em São Miguel, por “furto qualificado ficado na forma atentada, coacção sobre funcionário, dano e violação de domicílio”.
Segundo o relatório da PSP, o indivíduo havia roubado 46 mil euros em cheques assinados, do interior de um veículo, que se encontrava estacionado na freguesia da Fajá de Cima, em Ponta Delgada.
Os elementos das Brigadas de Investigação Criminal de Ponta Delgada recuperaram e apreenderam uma caixa onde estavam os cheques, bem como outros documentos que também haviam sido furtados, no interior da antiga fábrica de costura, que se encontra desactivada e abandonada, na Fajã de Cima.
Nas Capelas, foi detido, um homem, de 33 anos de idade, por condução de veículo automóvel sem habilitação legal, tendo o veículo em causa, sido apreendido por falta de seguro de responsabilidade civil e falta de inspecção periódica obrigatória. Ao indivíduo, foi-lhe aplicada a medida de coacção de sete meses de prisão efectiva, a cumprir durante os fins-de-semana.
Em Ponta Delgada, foi detido por desobediência, um homem, de 39 anos de idade, após ter sido interceptado a conduzir um veículo automóvel, com o título de condução apreendido por decisão administrativa.
Pelo mesmo motivo, a PSP deteve um jovem de 16 anos que conduzia um motociclo, sem carta.
Este fim-de-semana,  foram também detidos três indivíduos do sexo masculino, de 28, 37 e 41 anos de idade, por condução de veículo automóvel, sob a influência de álcool. Os homens apresentavam taxas de álcool no sangue de 1.24, 1.74 e 2.36 g/l.
Em Angra do Heroísmo, a PSP apreendeu a um indivíduo do sexo masculino, de 27 anos de idade, 3,45 doses de haxixe. O homem foi notificado para comparecer na Comissão para a Dissuasão da Toxicodependência local.
Já em Santa Cruz da Graciosa, foi recuperado, apreendido e entregue ao proprietário, um animal que havia sido furtado, tendo sido identificado o autor do ilícito, um indivíduo do sexo masculino, de 42 anos de idade.
No âmbito de actuação da Divisão Policial da Horta, a Esquadra de Intervenção e Fiscalização realizou uma operação rodoviária, na qual foram fiscalizados 12 veículos, submetidos ao exame de pesquisa de álcool no sangue os seus condutores, sendo detectada uma infracção contraordenacional Grave por condução de veículo automóvel sob influência do álcool.
Na Madalena do Pico, foi realizada uma operação de controlo de velocidades com recurso ao equipamento “Radar”, sendo monitorizados 150 veículos e detectados cinco em excesso de velocidade.
Quanto à sinistralidade rodoviária, entre os dias 3 e 5 de Janeiro, a PSP registou a ocorrência de 19 acidentes de viação no arquipélago, dos quais resultaram um ferido grave, seis ligeiros e danos materiais, segundo avançou o relatório do PSP.