Asseguradas as condições de segurança para a saída dos romeiros durante o SATA

  • Imprimir

romeiros2_grande_180_180O 47º SATA Rallye Açores, que abre o Intercontinental Rallye Challenge 2012, decorrerá de 23 a 25 de Fevereiro, datas que coincidem com as romarias quaresmais – tradição que ganha expressão nessa altura do ano em toda a ilha.

Esse facto originou, naturalmente, preocupação nestes homens de fé, mas o Presidente do Grupo Coordenador do Movimento Romeiros de São Miguel, Carlos Sousa Melo, garantiu que este grupo já analisou, juntamente com um membro da organização, essa situação, tendo chegado
à conclusão de que a grande dificuldade no dia 25 de Fevereiro será somente num troço e relativamente a três ranchos.

Ficou, no entanto, decidido fazer a comunicação à PSP para que haja controlo a partir do miradouro de Santa Iria porque esses três ranchos terão de atravessar, nessa zona, as estradas das SCUTS.

Contudo, "os ranchos passarão nesse troço a horas em que não está prevista a passagem dos carros da competição nas idas para a Tronqueira e Graminhais", assegura Carlos Sousa Melo.

No entanto, o Presidente alerta para os espectadores que nesses dias fazem rallye pelas estradas de São Miguel.

Para este ano ainda não há números sobre a quantidade de ranchos que sairão à estrada, mas "em principio deverá ser os de costume (52/53)", adianta Carlos Sousa Melo.

Governo apoia SATA em 850 mil euros

A realização do SATA Rallye Açores "é um contributo muito importante para aumentar a notoriedade da Região no exterior pelo que o apoio concedido pelo Governo Regional à sua organização não deve ser visto como um mero apoio, mas sim como um investimento" defendeu, esta segunda-feira, em Ponta Delgada, Vasco Cordeiro, Secretário Regional da Economia, considerando que "o sucesso do SATA Rallye não é apenas o sucesso do Grupo SATA, do Grupo Desportivo Comercial ou de uma prova desportiva, mas sim o sucesso dos Açores."

Vasco Cordeiro, que falava no final da apresentação pública da edição deste ano do SATA Rallye Açores, na qual foi assinado um protocolo entre o Executivo e o Grupo Desportivo Comercial, salientou que a prova insere-se na estratégia de promoção turística que tem vindo a ser desenvolvida "com a associação do destino Açores a alguns eventos de grande projecção internacional, caso do SATA Rallye, mas também do Red Bull Cliff Diving, que se realiza em Julho em Vila Franca do Campo e cuja preparação está já a decorrer."

"O montante este ano atribuído, de 850 mil euros, representa uma redução em relação ao apoio atribuído à edição de 2011, sendo que apesar da conjuntura, não estamos a falar de um mero apoio, mas sim de um investimento que vem ao encontro de um dos grandes desafios do turismo dos Açores e que é o aumento da nossa notoriedade", frizou. Entre os benefícios para o turismo nos Açores, resultantes do SATA Rallye Açores, Vasco Cordeiro destacou "o aumento muito substancial de spots de promoção turística que serão emitidos pelo canal desportivo Eurosport", a que se junta uma componente de animação interna, também apoiada pelo Executivo, como é o caso da especial a decorrer no interior da cidade de Ponta Delgada e que será igualmente transmitida pelo canal Eurosport.

Para Vasco Cordeiro, "esta é a confirmação de que os Açores vêm dando provas de capacidade de organização deste género de eventos, de cuidado na sua realização e no acompanhamento que lhe é dado, sendo estes factores aos quais queremos associar o nome dos Açores e que nos interessa valorizar."

Super Especial Citadina: novidade do 47º SATA

Rallye Açores

Com cobertura da Eurosport, o rallye que projecta a ilha de São Miguel e os Açores no mundo, conta este ano com uma City Stage, a 22 de Fevereiro.

A City Stage ou a Super Especial Citadina é uma das grandes novidades do 47º SATA Rallye Açores e decorre na Avenida Infante D. Henrique, logo após a apresentação, nas Portas da Cidade, dos pilotos, iniciativa que, há 9 anos, é promovida pela Câmara de Ponta Delgada, através da ANIMA.

Embora não conte para a competição, a Super Especial vai ser transmitida internacionalmente num evento que pretende encher a Avenida Marginal de pessoas e de espectáculo e levar o nome dos Açores a todos os cantos do mundo.