Governo “já melhorou as condições de mais de 80 famílias nas Flores e Corvo”– Ana Paula Marques

ana-paula-marquesO Governo Regional “já melhorou as condições habitacionais de mais de 80 famílias, nas ilhas das Flores e Corvo, um investimento superior a dois milhões de euros”, informa nota de imprensa veiculada pelo Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GaCS).
Os apoios foram atribuídos através dos programas de aquisição e construção de habitação, reabilitação e requalificação de habitações degradadas, tendo sido ainda apoiadas rendas habitacionais.
A informação foi avançada ontem pela Secretária Regional do Trabalho e Solidariedade Social, Ana Paula Marques, após uma vista às obras de reabilitação e requalificação das habitações na freguesia da Fajãzinha, no concelho das Lajes, nas Flores.
Das 12 habitações a reabilitar, nove já se encontram concluídas, estando as restantes três em fase de requalificação.
Segundo a governante, as obras de reabilitação, que estão a ser geridas pela Cáritas da ilha das Flores, têm decorrido a “bom ritmo e a maioria das famílias afectadas já retomou a normalidade das suas vidas.”
Paralelamente,  também na Fajãzinha, o Governo já adquiriu uma das duas habitações situadas em zona de risco, estando em fase de conclusão a aquisição da restante.

SATA rejeita acusações feitas pelo CDS-PP sobre custo das passagens aéreas

 sata-dashA transportadora aérea SATA rejeitou as acusações do líder regional do CDS-PP sobre o custo das passagens nas ligações dos Açores com o exterior, frisando que já disponibiliza tarifas promocionais para residentes isentas da taxa de combustível.
“A SATA recorda que já tem tarifas promocionais para os residentes nos Açores isentas da taxa de combustível, nomeadamente as tarifas de 88,5 euros, 99,5 euros e 145 euros”, refere a transportadora aérea num comunicado enviado à Lusa.
O documento surge depois de Artur Lima, presidente do CDS-PP nos Açores, ter acusado a SATA de não querer realizar voos de baixo custo entre o arquipélago e o continente, defendendo que o poderia fazer se fosse abolida a taxa de combustível nas tarifas de residente e aumentado o número de lugares disponíveis em tarifas promocionais.
Ainda relativamente à taxa de combustível, a SATA recorda que “decidiu não aplicar” o último aumento preconizado pelo Instituto Nacional de Aviação Civil (INAC)
Neste comunicado, a SATA rejeita também os valores apontados por Artur Lima como sendo os que foram disponibilizados pela transportadora aérea para as ligações Porto/Copenhaga e Porto/Munique, frisando que, além de estarem errados, eram “tarifas promocionais com uma data de validade muito curta” e visavam promover o lançamento das duas rotas.
Assim, segundo a SATA, o valor da viagem Porto/Copenhaga/Porto era de 103,22 euros e o da viagem Porto/Munique/Porto era de 125,56 euros e não, como referiu Artur Lima, de 12 euros e de 35 euros, apontando apenas a viagem num sentido e sem taxa de combustível.
A SATA contestou ainda a acusação de que não está a fomentar a coesão social e territorial entre as ilhas dos Açores e entre o arquipélago e o exterior, frisando que este ano vai disponibilizar “a maior conetividade de sempre entre os Açores e o mundo”.

Empreendimentos da TRADICAMPO recebem o galardão GREEN KEY

 Os empreendimentos de Turismo em Espaço Rural da TRADICAMPO, Casa da Fonte, Casa da Talha e Casas do Pátio, localizados no Nordeste, em S. Miguel, acabam de ser distinguidos com o galardão internacional GREEN KEY em reconhecimento pelas suas boas práticas ambientais.
THE GREEN KEY é um programa internacional de Educação para o Desenvolvimento Sustentável que, promove a implementação de novas formas de encarar a gestão e a utilização de estabelecimentos turísticos, desenvolve o conceito de turismo sustentável, procurando contribuir para uma nova consciência individual e colectiva.
Desde o seu início a TRADICAMPO incorporou no desenvolvimento do seu projecto, de forma consistente, os requisitos inerentes a uma actividade turística responsável e sustentável, estendendo esse conceito ao seu funcionamento diário.
A atribuição do galardão GREEN KEY é, assim, encarada como uma responsabilidade acrescida e como um estímulo ao aperfeiçoamento do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido.

Feteiras já têm centro de dia para idosos

 idosos-feteirasOs idosos das Feteiras têm desde domingo um espaço próprio para conviverem e ocuparem os seus tempos livres. O Centro de Dia de Idosos foi domingo, numa cerimónia presidida por Berta Cabral e que contou com a presença de dezenas de idosos da freguesia.
Na altura, a Presidente da Câmara de Ponta Delgada destacou a importância da ocupação e do convívio entre os idosos para combater a solidão, sublinhando que a abertura do centro de dia das Feteiras acontece precisamente no Ano Europeu do Envelhecimento Activo “e isso é que o pretendemos para os nossos idosos, que sejam activos, que ocupem o seu tempo”.
O Centro de Dia das Feteiras é o décimo que a Câmara de Ponta Delgada apoia e acompanha de forma mais permanente. Santa Clara, Matriz, Pilar, Ajuda, Remédios, Santa Bárbara, São Vicente, Arrifes e Covoada são os restantes.
Depois de algumas obras levadas a cabo pela autarquia, o espaço que alberga o Centro de Dia, cedido pela Associação Recreativa e Cultural das Feteiras, vai servir agora para que os idosos das Feteiras possam conviver entre si, promovendo e participando em actividades que visam estimular o contacto social e até mesmo combater a solidão, como referiu Berta Cabral, para quem o convívio entre as pessoas, sobretudo os idosos, é extremamente importante.
“Em alturas difíceis como a que vivemos, em que os recursos financeiros  são insuficientes, temos que dar uma maior atenção a quem mais precisa, nomeadamente aos nossos idosos, para que possam ter uma mais vida feliz e, sobretudo, mais activa. Os Centros de Dia que a Câmara de Ponta Delgada apoia e acompanha permanentemente têm essa função” - acentuou.
Berta Cabral fez questão de referir que a dinamização dos centros de dia para idosos só é possível graças aos presidentes de Junta, aos serviços da Divisão de Acção Social da autarquia e às associações que se predispõem a trabalhar voluntariamente.
“Só com a parceira, a entreajuda e a optimização de recursos conseguimos fazer o que temos feito em prol das crianças, dos jovens, das famílias e dos idosos. Com o nosso trabalho tentamos criar uma sociedade mais justa e mais adequada aos tempos que correm, em que os valores humanos têm de se sobrepor aos bens materiais” - disse.

PSP recupera 5772 euros, droga, material furtado e mantém operações de fiscalização na estrada

droga-horta-Na Graciosa, no passado dia 24 de Abril, no decurso de diligências de investigação, por furto em interior de residência de 5772€, foi localizado e identificado, um homem, de 53 anos de idade, suspeito da prática do furto, tendo na sua possa a quantia furtada (5772€), a qual estava escondida num barracão que o suspeito utilizava na sua actividade laboral, nomeadamente, pescador.
Na Horta, no passado dia 23, foi detido, um homem, de 24 anos de idade, por posse e tráfico de estupefacientes. No decurso da acção policial, foram-lhe apreendidos, o ciclomotor que conduzia, uma mochila contendo, 12 doses de Liamba, 2 telemóveis, 70 comprimidos cuja composição possui substâncias psicotrópicas, bem como vário material de apoio às práticas delituosas que eventualmente se proporia praticar ou já havia praticado (chaves de fendas, inglesas, sextavadas, de canos, luvas, fita adesiva e 1 artefacto que pela sua configuração/constituição “cabo com pega e objecto fixo na outra extremidade” serviria eventualmente para produzir/infligir agressões a terceiros), cuja sua presença e utilidade não justificou.
Segundo dados do relatório de actividade policial a PSP noticia que foram recuperados e apreendidos, 1 PC Portátil com valor comercial de cerca dos 800€, 1 pulseira em ouro e 1 reprodução de arma de fogo.
Os objectos furtados e agora recuperados pela P.S.P., ficarão brevemente em condições de serem restituídos aos seus legítimos proprietários.
O indivíduo agora detido, já se encontrava referenciado pela P.S.P. e localmente está conoctado com a prática de actos ilícitos, relacionados com o consumo e tráfico de estupefacientes.
O detido foi presente a Tribunal, para aplicação das correspondentes medidas de coacção.
De acordo com o relatório de actividade policial, na sequência da detenção de homem de 24 anos, efetuada no dia 23 na cidade da Horta, pelo crime de posse e tráfico de estupefacientes, foram realizadas novas investigações policiais, que culminaram na localização e apreensão a homem de 52 anos de idade, de diversas moedas de colecção nacionais e estrangeiras, um baú em madeira e uma lata de Whisky.
Na Horta a PSP deteve em flagrante delito, um homem, de 39 anos de idade, por furto de combustível em estaleiro de empresa de construção civil e empreitadas públicas, sediada na freguesia das Angústias.
No dia 25 de Abril, na Horta e na sequência de denúncia por furto em estabelecimento de saúde pública e de diligências de investigação policial, foi identificado um homem de 31 anos de idade, tendo-lhe sido apreendidos, 1 telemóvel, a importância monetária de 125€, diversas embalagens de comprimidos vazias, 1 balança de precisão, 21 recipientes de plástico e 1 agenda.
Por ultimo, na Horta, a PSP deteve um homem de 36 anos de idade, por condução de um veículo automóvel, sob a influência de álcool, com uma TAS de 1.09 g/l.
Na Madalena do Pico, a 24 de Abril, no decurso de investigações policiais por furto em residência, foram identificados 3 menores como seus autores, bem como recuperados os objectos do furto.
Segundo relatório de actividade policial a 25 de Abril foi realizada uma operação de fiscalização rodoviária, na Madalena do Pico, tendo sido fiscalizados 59 veículos e detectadas 5 infracções de natureza contra-ordenacional, nomeadamente por condução de veículo automóvel, sob a influência do álcool; por falta de seguro de responsabilidade civil; por falta de inspecção periódica obrigatória do veículo.
Nas Lajes do Pico, a 24 de Abril, foi realizada operação de fiscalização rodoviária, tendo sido fiscalizados 13 veículos e detectadas 3 infracções de natureza contra-ordenacional, nomeadamente por não utilização do cinto de segurança durante a marcha do veículo e por estacionamento proibido.
Em Ponta Delgada, no passado dia 24 de Abril, foi detido, um homem, de 51 anos de idade, por condução de veículo automóvel, sob influência de álcool, com uma TAS de 1.33 g/l. Também em Ponta Delgada, a 25 de Abril, foi detida, uma mulher, de 34 anos de idade, por condução de veículo automóvel, sob influência de álcool, com uma TAS de 1.95 g/l. A PSP deteve ainda em Ponta Delgada  um homem, de 36 anos de idade, por desobediência, após recusa em efectuar o teste de pesquisa de álcool no sangue.
No concelho da Ribeira Grande, na passada terça-feira, a PSP realizou uma operação de fiscalização rodoviária, tendo sido fiscalizadas 16 viaturas e detectadas 03 infracções de natureza contra-ordenacional.
No que se refere à sinistralidade rodoviária no período compreendido entre 23 a 25 Abril ocorreram 14 acidentes de viação, dos quais resultaram três feridos ligeiros e danos materiais.