Cerca de 31 mil idosos recebem o “cheque pequenino”

idoso-sozinhoCerca de 31 mil idosos beneficiam de um complemento mensal à sua pensão, conhecido por “o cheque pequenino”, resultado do aumento de 10% na prestação decidido, este ano, pelo Governo Regional.
Segundo nota de imprensa divulgada pelo Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GaCS), a informação foi avançada por Natércia Gaspar, Directora Regional da Solidariedade e Segurança Social, aquando do almoço convívio, que decorreu ontem na ilha Terceira, entre idosos de São Miguel e da freguesia de São Mateus.
Natércia Gaspar fez também referência ao Complemento Regional de Pensão, que beneficia 35.081 pensionistas, destacando, ainda, o programa de Apoio à Aquisição de Medicamentos que abrange, por ano, 13.500 idosos.
No convívio, que contou com a presença de 95 idosos e está integrado no projecto “Maioridade Bem + Longa”, a Directora Regional da Solidariedade e Segurança Social enalteceu a organização do evento, naquele que é um exemplo de que “o cuidado às pessoas, e em particular aos idosos, vai muito além do cuidado das mazelas físicas. Há que cuidar também dos contextos sociais e familiares que os envolvem”.
No Ano Europeu do Envelhecimento Activo e da Solidariedade entre Gerações 2012 importa “chamar a atenção do contributo dos idosos para a sociedade”, sublinhou Natércia Gaspar, e “as instituições públicas e privadas açorianas têm respondido ao desafio já que mais de 75 entidades estão activamente envolvidas na organização de diversas iniciativas neste domínio, estando a esta altura agendadas, em todas as ilhas, mais de 197 iniciativas”.
Por isso, acrescentou, é “muito gratificante olhar para o estado das coisas e constatar as conquistas já alcançadas neste domínio por força da prioridade que o Governo dos Açores dá à criação de políticas integradas de apoio aos idosos, de que são exemplo as estruturas de acolhimento permanente ou temporário, que são actualmente cerca de 220 com capacidade para assistir mais de 9.000 idosos, e os programas de apoio ao lazer, promoção da vida saudável e da aprendizagem ao longo da vida”.

Campeonato do Mundo de Surf de Qualificação nos Açores em Setembro

SurfO Campeonato do Mundo de surf de qualificação volta este ano a ter uma prova disputada em São Miguel com a novidade de ser separada a realização das competições masculina e feminina.
O SATA Airlines Azores PRO 2012 vai decorrer na Praia de Santa Bárbara, na Ribeira Grande, entre 4 e 9 de Setembro, no caso da competição masculina, enquanto a prova feminina decorrerá na mesma praia da costa norte de S. Miguel entre 25 e 30 de setembro.
“Este ano, separamos as provas para ajudar a criar mais riqueza para a economia regional”, afirmou Rodrigo Herédia, da organização desta competição, que trará aos Açores alguns dos melhores surfistas a nível mundial.
No mesmo sentido, Ricardo Silva, presidente da Câmara da Ribeira Grande, destacou a importância que esta prova, que se realiza pelo quarto ano consecutivo nas praias do concelho, tem para a economia local.
A estimativa oficial indica que o retorno financeiro da competição, que envolve cerca de 650 pessoas, ascende a cerca de um milhão de euros, a que se devem juntar outros fatores, como a exposição mediática dos Açores a nível mundial.
“A realização das provas do Campeonato do Mundo de surf nos Açores é uma aposta ganha, tanto na promoção do destino, como no desenvolvimento de um nicho muito particular no produto turístico Açores”, afirmou Luísa Schanderl, secretária regional da Economia, na conferência de imprensa de apresentação das provas.
Na sua intervenção, Luísa Schanderl reafirmou que a aposta no desenvolvimento do turismo é “um desígnio estratégico e uma prioridade” para o executivo regional, atendendo ao “enorme potencial de criação de riqueza” que tem este setor.
No quadro da estratégia de promoção deste destino turístico assume especial importância a criação de notoriedade através de eventos internacionais, como é o caso do Campeonato do Mundo de Surf.
Nesse sentido, Luísa Schanderl anunciou que o Governo Regional dos  Açores vai apresentar uma candidatura para a realização no arquipélago dos ISA World Surfing Games, considerados os “jogos olímpicos dos desportos de ondas”.
A candidatura dos Açores, apresentada em colaboração com a Federação Portuguesa de Surf, já foi aprovada pela International Surfing Association (ISA), a entidade competente a nível mundial.
Os ISA World Surfing Games, já reconhecidos pelo Comité Olímpico Internacional, envolvem a participação de selecções de mais de três dezenas de países, num total de cerca de 300 atletas.
A secretária regional da Economia anunciou ainda a intenção do executivo açoriano de realizar, em 2013 e 2014, uma “grande competição internacional de windsurf” na Praia da Vitória, na ilha Terceira.
A Secretária Regional da Economia recordou que “nos últimos anos o Governo Regional tem feito um investimento anual de cerca de 3 Milhões de euros no apoio a diversas iniciativas de promotores privados na realização de provas desportivas, eventos, acções promocionais e outras que têm projectado o nome dos Açores nos quatro cantos do mundo e, ao mesmo tempo e não menos importante, têm servido como importantes motores de dinamização da economia local pelo elevado número de participantes e espectadores que têm trazido à região”.
Assim, referiu, “nos últimos três anos, em média, mais de 650 pessoas estiveram envolvidas nestes eventos dedicados ao surf. O retorno financeiro directo destas provas, que engloba deslocações, estadias e aquisição de serviços como rent-a-car e outros, está avaliado em cerca de 1 Milhão de euros anuais. Mais de 3 Milhões de internautas acedem anualmente ao site e à transmissão live das provas do campeonato do mundo de surf. E o retorno da exposição mediática dos eventos, com as diversas notícias, artigos e programas em televisão, está avaliado em 3,5 Milhões de euros anuais”.
Nesta estratégia insere-se também, revelou, “a campanha a desenvolver em conjunto com a SATA de promoção dos Açores como destino Surf no mercado da costa leste dos Estados Unidos, que engloba diversas acções comerciais e promocionais e que terá início ainda este mês”.
Segundo Luísa Schanderl, “esta é uma aposta no que nos diferencia e qualifica como destino. Um destino que é de natureza, mas também de cultura. Um destino de tradição, história e património, mas sobretudo de mar”.
 “O mar dos Açores que, de destino de iatismo, passou, em 10 anos, a ser trabalhado numa multiplicidade de outras vertentes, whalewatching, mergulho com tubarões/jamantas, fotografia subaquática, surf, windsurf, pesca turística, assumindo-se cada vez mais como pilar de sustentabilidade para o Turismo açoriano”, concluiu.

Alunos do Nordeste promovem Feira Solidária para ajudar Associação de Defesa dos Animais

 Entre 7 e 21 de junho decorrerá na Sala de Exposições do Município do Nordeste uma Feira Solidária, organizada pelos alunos da disciplina de Educação Cívica da EBS do Nordeste (10º B) a favor de associações de defesa dos animais.
Artesanato, bijuteria e livros usados são alguns dos artigos que pode encontrar na Feira Solidária, A iniciativa irá decorrer durante a semana estando também  aberta ao fim de semana e feriados. A Câmara Municipal do Nordeste apoiou a iniciativa cedendo o espaço para a realização da feira e apoio na divulgação.

Semana do Mar “é um contributo no sentido de voltar mais os açorianos para o mar”

 baleiaA Semana do Mar, cuja próxima edição decorre de 5 a 12 de agosto na cidade da Horta, é um contributo no sentido de “voltar mais os açorianos para o mar”. A opinião é do Secretário Regional do Ambiente e do Mar, que esteve presente na passada sexta-feira, nos Paços do Concelho da Horta, à apresentação formal do programa daqueles festejos, que são organizados pelo município faialense.
Segundo defendeu Álamo Meneses, a Semana do Mar, cujo programa teve este ano a particularidade de ser apresentado no Dia Mundial dos Oceanos, é também um contributo que a Cidade e a Câmara Municipal da Horta “dão para a promoção do mar”.
Para além de ser uma das maiores festas de verão dos Açores, a Semana do Mar conta com um programa cheio de actividades náuticas que visam atrair – particularmente os mais jovens, mas não só – a um conjunto de actividades de grande importância, adiantou o governante em declarações à margem da cerimónia. Considerada como um dos maiores festivais náuticos do país, a Semana do Mar conta este ano com a realização de provas de vela de cruzeiro, de canoagem, de botes baleeiros, de natação e de pólo aquático, para além do VII Encontro Internacional de Vela Ligeira, envolvendo regatas nas categorias de Optimist, L’Equipe, 420, Laser Radial e Access. A par de inúmeros concertos e actuações de filarmónicas e grupos folclóricos de várias nacionalidades, durante o evento chegarão também ao porto da Horta os iates que participam na Regata Les Sables-Les Açores-Les Sabres, de onde regressarão depois a França.     

Flash Mop reúne 800 alunos a dançar na EBI Roberto Ivens em simultâneo

 O Departamento de Educação Física e a Equipa de Saúde Escolar da Escola Básica Integrada Roberto ivens irão realizar um flash mop no próximo dia 8 de Junho pelas 10:30h na própria escola.
   Os Flash Mobs são aglomerações instantâneas de pessoas num local público para realizar determinada acção previamente combinada, estas se dispersam tão rapidamente quanto se reuniram. A expressão geralmente se aplica a reuniões organizadas através de e-mails ou meios de comunicação social, sendo de diversos temas como guerra de almofadas, desfile de pijamas, coreografias, etc.
Assim, estes dois departamentos conjugaram esforços para envolverem toda a escola numa actividade que pretende, simultaneamente, assinalar o encerramento das actividades promovidas pela equipa de saúde escolar e fazer a “despedida” dos alunos do 6º ano uma vez que transitam para outras escolas este ano. Assim, tanto no recinto do campo de jogos, salas de aula, refeitório, espaços de recreio irão servir de pista de dança. Também neste dia alguns do 6º ano apresentarão à escola coreografias preparadas durante as aulas de Educação Física.
A coreografia a ser apresentada está a ser trabalhada por todas as turmas da escola desde já alguns meses nas aulas de Educação Física. Na passada 2ª feira também houve uma acção para os professores e operacionais da acção educativa para terem também conhecimento na coreografia a apresentar. Toda a comunidade educativa da foi convidada a participar neste evento.