Bensaude Hotels aposta em práticas amigas do ambiente e de responsabilidade social

Hotel Marina Atlântico - grupo bensaudeA Bensaude Hotels, no âmbito do desenvolvimento das suas actividades de prestação de serviços de alojamento, restauração e lazer, aposta no desenvolvimento sustentável, promovendo práticas “amigas do ambiente, em equilíbrio com práticas de responsabilidade social e de fomento da economia”.

A empresa assumiu o compromisso de “garantir o cumprimento de um vasto leque de requisitos legais e boas práticas que conduzem à melhoria contínua”, monitorizando, por exemplo, o consumo de recursos hídricos, energéticos e a produção de resíduos.

Segundo avança a empresa em comunicado, em 2018, foram implementadas várias medidas ambientalmente sustentáveis que permitiram poupar “água suficiente para 2.587 pessoas tomarem um duche diário durante 1 ano”; “electricidade suficiente para manter uma lâmpada fluorescente de 60W ligada ininterruptamente durante 8 anos”; “gasóleo suficiente para de carro dar a volta ao mundo (no seu diâmetro equatorial) 11 vezes”; “gás suficiente para confeccionar 12.031 refeições”.

Foram ainda encaminhadas para reciclagem “embalagens de plástico e metal suficientes para produzir 1.913,688 latas (0,33l)”; “embalagens de vidro suficientes para produzir 369.600 garrafas (0,75l)”; “papel e cartão que evitou o abate de 7.260 árvores e a emissão para a atmosfera de 825 toneladas de CO2”.

 

Mulher de 56 anos e jovem de 21 detidos na posse de ecstasy

 PJ

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou a detenção de uma mulher de 56 anos e de um jovem de 21, em Ponta Delgada, suspeitos do crime de tráfico de estupefacientes.

“Os factos ocorreram no concelho de Ponta Delgada, tendo sido desenvolvidas diligências investigatórias que permitiram apreender na posse dos suspeitos uma quantidade de MDMA [popularmente conhecido por ecstasy] suficiente para aproximadamente quinhentas doses individuais”, avança a PJ em comunicado.

A detenção foi realizada através do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, em articulação com a Unidade Nacional de Tráfico de Estupefacientes, na sequência da “partilha de informações com autoridades estrangeiras, no quadro da cooperação policial internacional”.

Os dois detidos, “familiares entre si”, estando o jovem de 21 anos já referenciado pelo mesmo tipo de factos, foram presentes à competente autoridade judiciária.

Directora do Emprego destaca carácter inovador do programa ‘Berço de Emprego’

berço de emprego paula andradeA Directora Regional do Emprego e Qualificação Profissional realçou ontem, na Ribeira Grande, o “carácter inovador” da iniciativa ‘Berço de Emprego’, agora com nova regulamentação que alarga os beneficiários deste programa de apoio ao emprego e à família, adiantando que, em 2017, a taxa de empregabilidade desta medida foi 61,2%.

“Esta iniciativa inovadora e pioneira, criada pelo Governo Regional em 2008, tendo sido considerada pela Comissão Europeia como um exemplo de boa prática no apoio à família, passa a abranger todos os trabalhadores em situação de licença parental inicial ou por adopção, independentemente do género”, afirmou Paula Andrade, em declarações à margem de uma visita ao Centro de Bem Estar Jacinto Ferreira Cabido, instituição vocacionada para a educação e preparação profissional de crianças e jovens com vista à sua integração social.

A Directora Regional salientou que este programa consiste “na substituição, no respectivo emprego, por beneficiários das prestações de desemprego, sendo igualmente indiferente o género”, acrescentando que a substituição não tem qualquer custo para as entidades, “uma vez que são reembolsadas pelos valores pagos”.

“A alteração da regulamentação resulta da visão actualizada de uma sociedade evoluída e responsável social, económica e culturalmente, tendo o Governo dos Açores decidido pelo alargamento do âmbito de aplicação da medida aos progenitores de ambos os géneros”, frisou.

Para Paula Andrade, o programa ‘Berço de Emprego’ contribui “para a protecção da parentalidade, serve de incentivo à natalidade e possibilita a aquisição de novas competências por parte dos trabalhadores beneficiários, entre outros contributos”.

Depois de referir que a instituição ontem visitada na Ribeira Grande “se candidatou a oito vagas de substituição de trabalhadoras em licença de maternidade”, a Directora Regional adiantou que, desde 2008, “foram abrangidas 2.290 pessoas e 239 entidades nos Açores”.

“É de salientar o facto de que, em 2017, a grande maioria das pessoas desempregadas colocadas por este programa conseguiu trabalho, ou seja, a taxa de empregabilidade seis meses após o termo desta medida foi de 61,2%”, concretizou.

A duração da ocupação ao abrigo do programa está limitada ao período de licença parental inicial ou por adopção, acrescida de dois meses, podendo ser promotores desta medida empresas privadas, administrações central, regional e local, Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e associações e cooperativas sem fins lucrativos.

Marinha resgata tripulante com problemas respiratórios de navio de pesca

MerlinA Marinha coordenou, esta segunda-feira, uma operação de resgate de um tripulante do sexo masculino de 50 anos de idade e nacionalidade portuguesa, que apresentava problemas respiratórios.

O homem navegava a bordo do navio de pesca “Pérola da Praia”, com registo nos Açores, a cerca de 52 milhas a sudeste da ilha do Faial.

????Para proceder ao resgate, foi empenhado um helicóptero EH-101 da Força Aérea Portuguesa. A operação teve incío às 17h09 e o resgate foi efectuado “com sucesso” às 20h06, do mesmo dia. O homem desembarcou pelas 21 horas no aeroporto das Lajes, de onde foi transportado para o Hospital de Santo Espírito, na ilha da Terceira.

Estiveram envolvidos nesta operação o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada, o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento das Lajes, o Centro de Orientação de Doentes Urgentes Mar, um helicóptero EH-101 da FAP e uma ambulância do SRPCBA.

Bilhetes para os tradicionais Bailes de Carnaval do Coliseu Micaelense quase esgotados

coliseu micaelenseA chegar à lotação máxima, com mesas, camarotes e balcões praticamente esgotados, o Coliseu Micaelense já se encontra a postos para receber os tradicionais Bailes de Carnaval, que se realizam desde 1921, e para os quais são esperadas, como habitualmente, milhares de pessoas.

O primeiro baile realiza-se já na próxima Sexta-feira, 1 de Março, a partir das 23h00, e o segundo a 4 de Março, também com início marcado para a mesma hora.

De referir que ainda podem ser adquiridos bilhetes individuais e alguns camarotes de segunda ordem.

Este ano, o palco da maior sala de espectáculos dos Açores recebe Stereo Mode, Oceanus, Banda 8 e Blackout. No foyer e na zona lounge, estarão os DJ’s El Loco, Kid Jay, Groove Keepers, 2 Clubbers, Matti e Mr. Bridges.

Como já é tradição, haverá também, nas duas noites, o passatempo para eleger as três cestas melhor decoradas nas seguintes categorias: tradicional, criativa e carnavalesca. Os prémios para os três vencedores serão viagens ao Porto e Lisboa.

Os interessados em participar nos concursos de cestas devem apresentar as mesmas à entrada do Coliseu Micaelense, entre as 23h00 e as 00h30.