Edit Template

Grupo Parlamentar do Partido Socialista refuta acusações do PSD/Açores de alarmismo e actos de desinformação

O Grupo Parlamentar do Partido Socialista (GPPS), tendo em conta a conferência de imprensa do PSD/Açores, onde acusou o PS/Açores de fomentar “rumores alarmistas e actos de desinformação”, entende fundamental esclarecer que, o GPPS ficou efectivamente satisfeito com o desmentido do Governo Regional em relação aos boatos sobre o Hospital do Santo Espírito da Ilha Terceira (HSEIT).
Contudo, após esse esclarecimento do Presidente do Governo Regional ao Presidente do GPPS, Vasco Cordeiro, foi notícia no dia seguinte no jornal “Diário Insular” que o “SARS-CoV-2 contraído no hospital pode explicar um morto na Terceira”, para além de que o PS voltou a receber informação credível da efectiva existência de um surto de Covid-19 naquela unidade hospitalar.
Tal como foi referido pelo deputado Tiago Lopes, em conferência de imprensa do GPPS, “embora esta informação tenha sido desmentida pelo Presidente do Governo Regional em plenário, não podem subsistir dúvidas e devemos esclarecer a notícia do jornal Diário Insular”.
Nesse sentido, o requerimento do GPPS para ouvir em sede de Comissão de Assuntos Sociais o Conselho de Administração do HSEIT não tem qualquer intenção de criar “alarmismos ou desinformação”, como pretende exactamente o contrário – esclarecer em sede própria, pela voz dos principais responsáveis daquela unidade hospitalar, qualquer dúvida que exista sobre esta questão. Afinal, é esse mesmo o papel da oposição.
Relativamente às declarações do líder do PS/ Açores, em declaração política na Assembleia Legislativa Regional, a que o PSD/ Açores se refere, é essencial esclarecer que a constatação de Vasco Cordeiro se reporta a um dado objectivo que não pode nem deve deixar de estar presente: “a elevada prevalência que neste momento ainda existe, segundo os últimos dados que foram tornados públicos, da estirpe Delta na nossa Região face à estirpe Ómicron. Esta situação impõe cautelas e cuidados sobretudo para não seguirmos outras actuações desde logo verificadas a nível nacional”.
Recorde-se nesse sentido que, no mais recente Relatório de Situação sobre a Diversidade Genética do novo coronavírus em Portugal, elaborado e publicado pelo INSA na passada Terça-feira, a Região é a única do País com registo da variante Delta na evolução da frequência relativa semanal das linhagens por Região de Saúde.
O PSD/Açores pretendeu, unicamente, com esta conferência de imprensa deturpar tudo o que foi dito pelo GPPS, numa atitude claramente partidária de fazer, mais uma vez, parecer que o GPPS quer apenas criar “ruído”, quando, na verdade, o PS tem feito tudo de acordo com os instrumentos devidos para esclarecer os açorianos das “confusões” e dúvidas existentes, tal como é sua obrigação.

Edit Template
Notícias Recentes
Clélio Meneses, ex-Secretário Regional da Saúde e Desporto “Um dos grandes desafios da governação será a consensualização, o diálogo, a capacidade de ouvir, envolver e decidir”
Oferta de quartos para arrendar e preços disparam em Ponta Delgada
Taxa de inflação nos Açores a baixo do nível da Zona Euro
Bruno Schiappa está de volta ao Teatro Micaelense com o “Método”
Livro de José Andrade “Conversas da Diáspora” lançado amanhã em Ponta Delgada
Notícia Anterior

Copyright 2023 Diário dos Açores