Edit Template

Álbum “Um Natal à Viola” com edição limitada

O álbum “Um Natal à Viola”, editado em 2019 pelo músico açoriano Rafael Carvalho, acaba de ter uma edição limitada e especial em formato de marcador de livros. Por ocasião do Natal, verifica-se um incremento de ofertas de livros, tendo surgido a ideia de concretizar a impressão de um “assina livros” onde, no verso, há um “qr code” que direcciona para o álbum “Um Natal à Viola”, que pode ser ouvido sempre que quiserem ou, também, adquirirem em formato digital. Junta-se, assim, a oferta de um livro com a possibilidade de ser oferecido um álbum em formato de marcador de livros. Numa altura em que cada vez menos pessoas possuem leitor de CD, foi a forma encontrada para continuar a divulgar o álbum entre as pessoas, e que pode ser ouvido no telemóvel, tablet ou outro dispositivo, através da leitura desse código.“Um Natal à Viola” foi editado em 2019 e conta com 14 faixas, todas executadas na viola da terra, a solo, sendo a maior parte modas de Natal tradicionais portuguesas e contando ainda com uma faixa original.Em 2013, o músico e professor açoriano já tinha utilizado esta opção de “qr code” no seu livro do “Método para Viola da Terra – Iniciação”, em que cada exercício ou peça do manual tem um código que direcciona para um vídeo de apoio online, neste caso no YouTube.O marcador de livros está disponível junto do autor ([email protected]) e, também, na Livraria Letras Lavadas, para ofertas aos leitores que aí adquiram livros, e de acordo com o stock existente. Esta parceria resulta da colaboração anual, em especial em saraus poéticos e musicais por ocasião do Natal, iniciada durante a pandemia.

Edit Template
Notícias Recentes
Indústria do atum alerta para a “morte lenta” do sector nos Açores
Empresários manifestam preocupação com insegurança nas ruas de P. Delgada e consideram que responsáveis estão a falhar
Ryanair propõe reabrir base em Ponta Delgada e reforçar operação
Meloa da Graciosa candidata a produto DOP
Francisco Melo encerra a época com a medalha de bronze
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores