Edit Template

Resgatados 4 tripulantes em dificuldades a sul de S. Miguel

A Marinha Portuguesa, através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada – MRCC Delgada, em articulação com o Centro de Orientação de Doentes Urgentes no Mar – CODU-MAR, coordenou o resgate de quatro tripulantes da embarcação a remos “Margaret 2”, que estava a participar na regata transatlântica “World toughest Row”.
​O MRCC Delgada recebeu o alerta através do sistema Cospas-Sarsat, às 12h27, das horas locais, dando conta de que a embarcação a remos “MAGARET-2”, de nacionalidade australiana, encontrava-se a navegar a 1200 milhas náuticas, cerca de 2 200 quilómetros, a sul da ilha de são Miguel.
Em contacto com a organização da regata foi dada a informação que um dos tripulantes apresentava sintomas de possível ataque cardíaco, tendo vindo a falecer minutos depois.
O navio graneleiro “Charles”, de pavilhão liberiano, que se encontrava a navegar a 70 milhas náuticas, cerca de 129 quilómetros, a Sul da embarcação em dificuldades, foi ativado para prestar auxílio, tendo concluído, por volta das 22h18, com sucesso, o resgate dos três tripulantes vivos e do corpo do quarto tripulante.
O navio prosseguiu viagem para o seu porto de destino, na Noruega.
Nesta acção de busca e salvamento estiveram envolvidos o MRCC Delgada, o CODU MAR e o navio mercante “Charles”, conclui nota da Marinha.

Edit Template
Notícias Recentes
Venda de casas arrefece e oferta imobiliária aumenta 16% em Ponta Delgada
Oposição vai requerer inconstitucionalidade da polémica prioridade nas creches
Os cinco pisos da ala nascente do HDES já estão reabertos e acolhem 76 doentes
Missa aos sábados na Ermida de Nª Sª da Paz
Tolerância de ponto para a função pública em festas do Pico, Santa Maria e Corvo
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores