Edit Template

Agravamento das condições meteorológicas e de agitação marítima nos Açores

A previsão do vento e do estado do mar indica um agravamento considerável das condições meteorológicas e de agitação marítima, desde as 06h00 do dia de ontem, 8 de Janeiro, e as 12h00 de Quarta-feira, 10 de Janeiro.
A agitação marítima será caracterizada por ondulação proveniente do quadrante Noroeste, com altura significativa que poderá atingir os sete metros, podendo a altura máxima atingir aproximadamente 13 metros, com período médio a variar entre 14 e 16 segundos. A previsão do vento aponta para uma intensidade média até 65 Km/h, podendo ocorrer rajadas superiores a 120 Km/h, provenientes do Sul.
Assim, a Marinha e a Autoridade Marítima Nacional recomendam a toda a comunidade marítima e à população em geral um estado de vigilância permanente no mar e nas zonas costeiras e alertam que os cuidados devem ser redobrados, tanto na preparação de uma ida para o mar, como quando estão no mar ou em zonas costeiras. Para além disso, recomenda-se reforçar a amarração e manter uma vigilância apertada das embarcações atracadas e fundeadas; evitar passeios junto ao mar, de onde se destacam os molhes de protecção dos portos; evitar passeios junto à orla costeira, nas arribas e nas praias, bem como a prática de actividades lúdicas nas zonas expostas à agitação marítima e desaconselha-se vivamente a pesca lúdica, em especial junto às falésias e zonas de arriba nas frentes costeiras atingidas pela rebentação das ondas, tendo sempre presente que nestas condições o mar pode facilmente alcançar zonas aparentemente seguras.

Edit Template
Notícias Recentes
Governo activa regime de apoio á emergência climática
Alexandre Gaudêncio destaca importância do XX Concurso Micaelense da Raça Holstein Frísia
Câmara da Lagoa apresenta ópera “Suor Angelica”
Carreiras dos farmacêuticos no Parlamento
República financia captação de águana Praia da Vitória
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores