Edit Template

Montenegro adia vista às Flores e Corvo

O líder do PSD, Luís Montenegro, adiou a deslocação às ilhas do Corvo e das Flores, prevista para ontem e hoje, no âmbito do programa “Sentir Portugal” nos Açores, devido às condições meteorológicas.Fonte do PSD disse que o partido reagendará nas próximas semanas novas datas para completar o programa inicialmente previsto.Ontem, Luís Montenegro tinha previsto, na ilha do Corvo, a mais pequena do arquipélago, com 384 habitantes, segundo os Censos de 2021 do Instituto Nacional de Estatística. A deslocação compreende uma visita ao Caldeirão, um dos principais pontos turísticos da ilha, e um encontro com a população.Para ontem, nas Flores, no ponto mais ocidental do continente europeu, o programa previa contactos com a população nos dois concelhos da ilha que, em conjunto com o Corvo, integra o Grupo Ocidental do arquipélago.O Presidente do PSD iniciou na Segunda-feira, na Região Autónoma dos Açores, a última etapa da iniciativa “Sentir Portugal”, para contactar com a realidade local e dialogar com cidadãos, famílias, municípios e instituições.A visita de Luís Montenegro aos Açores começou na Segunda-feira, na ilha do Pico, de onde seguiu depois para o Faial, São Jorge, Terceira e Graciosa, todas do Grupo Central do arquipélago, e Santa Maria e São Miguel.

Edit Template
Notícias Recentes
Governo activa regime de apoio á emergência climática
Alexandre Gaudêncio destaca importância do XX Concurso Micaelense da Raça Holstein Frísia
Câmara da Lagoa apresenta ópera “Suor Angelica”
Carreiras dos farmacêuticos no Parlamento
República financia captação de águana Praia da Vitória
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores