Edit Template

Nuno Barata defende aposta no sector da náutica de turismo

O cabeça de lista da Iniciativa Liberal (IL) pela ilha de São Miguel às eleições regionais do próximo dia 4 de Fevereiro e coordenador regional do partido, Nuno Barata, defendeu que é fundamental apostar no sector da náutica de recreio e do turismo náutico em ilhas como Terceira, São Miguel, Faial e Graciosa, assim como tornar os clubes navais como agentes essenciais à prevenção de comportamentos de risco por parte dos jovens.
No final de uma reunião com a Direcção do Clube Naval de Ponta Delgada, Nuno Barata frisou a importância económica e social de se manter a aposta “na notoriedade do destino” através da presença dos Açores em feiras internacionais destinadas ao segmento da náutica de recreio, bem como, “outro investimento que é fundamental ser feito são os parques de invernagem”.
“Há duas vias para captar mais turistas e nautas que precisam de manutenção. Cruzam, todos os anos, oAtlântico, milhares de veleiros. É fundamental manter a notoriedade do destino, manter presença em feiras internacionais mais relevantes, e outro investimento que é fundamental ser feito são os parques de invernagem. A Praia da Vitória tem condições extraordinárias para fazer um bom parque de invernagem e aí se poderem instalar empresas de manutenção de embarcações. Na Horta há também possibilidade de aumentar o parque de invernagem eestacionamento em água, assim como em Ponta Delgada, e, na Graciosa, existem também excelentes condições para criar um parque de invernagem. Queira a tutela dar instruções à empresa Portos dos Açores para se fazerem estes investimentos, mas estes investimentos têm de ser feitos numa perspetiva de sustentabilidade económica e não apenas na ótica de servir os locais de uma forma social. Estes investimentos têm de trazer retorno e turismo de qualidade, turismo que pague bem pelos serviços que prestarmos”, afirmou.
Nuno Barata criticou ainda, e novamente, “a inércia deste Governo de Coligação PSD/CDS/PPM, quanto à análise e validação dos projectos SOLENERGE, que continuam com atrasos significativos, queixas recorrentes que chegam, quase diariamente, à Iniciativa Liberal”, após ter tomado conhecimento que “o Clube Naval de Ponta Delgada tem a sua candidatura pendente de análise desde Maio de 2023”.
“A aprovação da candidatura deste Clube ao SOLENERGE seria de extrema importância, devidos aos elevados gastos com a electricidade no processo de aquecimento da água da piscina”, apontou.

Edit Template
Notícias Recentes
Câmara de Ponta Delgada investe 250 mil euros na requalificação de ruas nas Capelas
Padre açoriano ordenado no Canadá celebra missa nova nas Feteiras
Trabalhadores de terra da SATA decretam greve em Agosto e Setembro
“Tarifa Açores” mantém-se em 2024 e já beneficiou cerca de 1 milhão de passageiros
Oferta de casas para arrendar desceu 12% em Ponta Delgada no último ano
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores