Edit Template

Prémios José Inácio Cardoso entregues a Sofia Ferreira e Ana Rita Lourenço

Sofia Ferreira e Ana Rita Lourenço foram as premiadas de 2023 com o galardão José Inácio Cardoso, numa iniciativa da Câmara do Comércio de Angra do Heroísmo (CCAH), com a parceria da Caixa Económica da Misericórdia de Angra do Heroísmo (CEMAH), que pretende destacar o mérito escolar, académico e social de dois açorianos recém-formados.
Os prémios foram entregues ontem, no salão nobre do município de Angra do Heroísmo, com a presença do Presidentes da CCAH, CEMAH, Câmara Municipal de Angra do Heroísmo e da Cidade da Praia (Ilha de Santiago, Cabo Verde).
Na ocasião, o Presidente da Direcção da CCAH, Marcos Couto, realçou a importância do prémio para uma “abertura cada vez maior da Associação Empresarial à sociedade, ao sector educativo e à juventude” e “a importância de se premiar o mérito e destacar o potencial dos jovens açorianos”. O Presidente do município de Angra do Heroísmo, Álamo Meneses, salientou o dinamismo do empreendedorismo local, congratulando a Associação Empresarial pela concepção deste prémio.
As vencedoras, Sofia Ferreira e Ana Rita Lourenço, tiveram direito a um prémio monetário de 1.000€ cada uma, patrocinado pela CEMAH, bem como a um cartão gold CCAH que dá acesso gratuito às formações promovidas pela Associação Empresarial, e a mentoria especial com Duarte Pedreira. O banqueiro, director de mercados emergentes e fronteiriços do FIG – Crown Agents Bank, é descendente de José Inácio Cardoso, um dos negociantes da cidade de Angra do Heroísmo que impulsionaram o associativismo comercial na Ilha Terceira, e que fundaram a associação comercial da ilha, em Abril de 1852.
Sofia de Azevedo Pamplona Simões Ferreira é mestre em tradução, com média final de 18 valores, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, com uma tese classificada como um hino à açorianidade e um gesto de valorização dos Açores e dos açorianos. No emotivo discurso de aceitação do prémio agradeceu a oportunidade e enalteceu o facto do prémio ser de mérito, porquanto motivador para o futuro pessoal e profissional.
Ana Rita Lourenço, técnica comercial, terminou o Curso no Pólo de Angra do Heroísmo do INETESE, com especialização na área de marketing e média final de 19 valores. Na aceitação realçou a sua intenção de dar o exemplo a jovens e adultos de que nunca é tarde para expandir os horizontes, com confiança, coragem e paciência, é possível agarrar oportunidades e mudar de vida.
Em 2024 a cerimónia de atribuição da 4ª edição do Prémio José Inácio Cardoso vai realizar-se na ilha Graciosa.

Edit Template
Notícias Recentes
Desafios da gestão bancária em debate na Faculdadede Economia e Gestão da UAc com Gualter Furtado
Arrancam sessões de apoio aos jovens empreendedores em Ponta Delgada
A última entrevista da Presidente da SATA antes da demissão: “Se este concurso não avançar, o Governo tem até 2025 para concluir com outro concurso”
SITAVA pede ao Governoque “pare imediatamente”com privatização da SATA
Martins Goulart e Mota Amaral e a Lei Eleitoral
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores