Edit Template

Em Janeiro entraram em lota 265 toneladas de pescado atingindo valor de 1,9 milhões de euros

No mês de Janeiro de 2024, nos Açores, foram descarregadas em lota 264.983 kg de pescado (não inclui pescado rejeitado nem caldeirada, nem algas não destinadas a consumo humano) com um valor total de 1.878 604 euros, dos quais 234.730 kg foram de peixe (88,6%), correspondendo a 87,4% do valor monetário total das descargas.
Mais de metade das descargas foram efectuadas na ilha de São Miguel (67,1%) e 56,5% do valor total das vendas foi gerado nesta ilha. A ilha das Flores apresentou o preço médio mais elevado (13,87 euros/kg), valor consideravelmente superior à média regional (7,09 euros/kg).
Em termos de variação, o volume de pescado descarregado em lota teve um decréscimo de 22,0% relativamente ao mesmo mês do ano passado, aumentou cerca de 15,7% em relação ao mês anterior e diminuiu 7,8% na média dos últimos 12 meses.
Relativamente ao valor do pescado descarregado em lota, verificou-se uma variação homóloga mensal negativa de 21,2%, uma variação mensal positiva de 12,5% e uma variação média negativa de 4,5% dos últimos 12 meses.
Quanto ao preço médio, neste mês aumentou 1,1% face ao mesmo mês do ano anterior, para 7,09 euros/kg, decresceu 2,8% em relação ao mês anterior e diminuiu 4,4% na média dos últimos 12 meses.

Edit Template
Notícias Recentes
Câmara de Ponta Delgada investe 250 mil euros na requalificação de ruas nas Capelas
Padre açoriano ordenado no Canadá celebra missa nova nas Feteiras
Trabalhadores de terra da SATA decretam greve em Agosto e Setembro
“Tarifa Açores” mantém-se em 2024 e já beneficiou cerca de 1 milhão de passageiros
Oferta de casas para arrendar desceu 12% em Ponta Delgada no último ano
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores