Edit Template

Vem aí a depressão Hipolito que traz chuva e vento fortes

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou ontem os grupos Oriental e Central dos Açores sob aviso laranja e emitiu aviso amarelo para todo o arquipélago devido à formação da depressão Hipolito.
Segundo um comunicado do IPMA, a depressão Hipolito, com um sistema frontal associado, encontrar-se-á, às 06h00 de Quinta-feira, “centrada a cerca de 300 km a sudoeste (SW) do Faial, com uma pressão no seu centro de 980 hPa”.
“Prevê-se que, a depressão Hipolito provoque um aumento significativo da intensidade do vento, com rajadas na ordem dos 110 km/h nos Grupos Central e Oriental, e até 100 km/h no Grupo Ocidental”, adianta o IPMA.
Segundo a fonte, a previsão indica que a depressão provocará também “um aumento da agitação marítima, com ondas que podem atingir os sete metros de altura significativa em todo o arquipélago”.
“Associada a esta situação meteorológica deverá ocorrer precipitação por vezes forte, podendo ser acompanhada de trovoada”, acrescenta.
O IPMA refere que a influência desta depressão “deverá começar a sentir-se a partir da madrugada de hoje e manter-se-á, pelo menos, até ao fim-de-semana”.

Aviso Laranja

Devido à aproximação de uma superfície frontal fria e da posterior formação da depressão Hipolito, o IPMA emitiu um aviso laranja, devido ao vento (direção de sueste), para as ilhas do grupo Oriental (São Miguel e Santa Maria) e Central (Faial, Pico, Graciosa, São Jorge e Terceira) entre as 17h00 locais de hoje e as 07h00 locais de amanhã.
Hoje, as ilhas do grupo Oriental também estão sob aviso amarelo por vento (direção de sul, rodando para sueste) entre as 11h00 locais e as 17h00 locais.
O mesmo aviso vai vigorar por agitação marítima (ondas de oeste, passando a sul), das 11h00 locais de hoje e as 08h00 locais de amanhã e por precipitação “por vezes forte, podendo ser acompanhada de trovoada”, entre as 20h00 locais de hoje e as 11h00 locais de amanhã.
Nas ilhas do grupo Central, o aviso amarelo, por precipitação por vezes forte, é válido entre as 23h00 locais de ontem e as 23h00 de quinta-feira e por vento (direção do quadrante sul) entre as 11h00 locais e as 17h00 de hoje.

Aviso Amarelo

O aviso amarelo também foi decretado para as mesmas ilhas por agitação marítima (ondas do quadrante sul), entre as 17h00 locais de hoje e as 07h00 de amanhã.
Por fim, o IPMA colocou ontem as duas ilhas do grupo Ocidental dos Açores (Flores e Corvo) em aviso amarelo, por agitação marítima (ondas de oeste, passando temporariamente a noroeste, até às 23h00 locais de terça-feira), por vento (direção de sul, rodando para sudoeste, entre as 11h00 locais e as 20h00 de terça-feira) e por precipitação por vezes forte (entre as 14h00 locais e as 20h00 de terça-feira).
O aviso laranja é o segundo mais grave da escala e é emitido em “situação meteorológica de risco moderado a elevado”, segundo o IPMA. Já o aviso amarelo, o menos grave de uma escala de três, é emitido sempre que existe uma situação de risco para determinadas actividades dependentes da situação meteorológica.

Edit Template
Notícias Recentes
Turistas gostam da paisagem e da segurança e não gostam dos serviços de restauração e dos transportes de táxis e de autocarros
Desaparecido turista belga que se encontrava a realizar um trilho pedestre na Lagoa do Fogo
Sismo de magnitude 2.6 na escala de Richter sentido na ilha Terceira
Programa para a prevenção do cancro gástrico arranca na Terceira
Detido indivíduo fortemente indiciado da prática do crime de detenção de arma proibida na Ribeira Grande
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores