Edit Template

18º Festival de Cantorias ao Desafio nos Remédios conta mais uma vez com o apoio da Câmara da Lagoa

Este mês de Janeiro, vai decorrer mais uma edição do Festival de Cantorias ao Desafio, desta vez a 18ª, numa iniciativa organizada pela Associação Cultural e Recreativa dos Remédios, e que conta, à semelhança dos anos anteriores, com o apoio da Câmara Municipal de Lagoa, bem como da Junta de Freguesia de Santa Cruz.
Para o Executivo camarário este é um evento crucial para a dinamização do Lugar dos Remédios, que garante a valorização de uma tradição daquele lugar aliada à boa gastronomia local, que tem trazido muitos interessados neste tipo de cantorias, quer do próprio concelho, quer de toda a ilha de S. Miguel.
Este festival decorrerá, nos dias 26, 27 e 28 de Janeiro, no Pavilhão Professor Jorge Amaral e contará com a participação de vários cantadores da ilha de São Miguel, da Terceira e dos Estados Unidos. De São Miguel, participarão Bruno Botelho e Paulo Miranda, da ilha Terceira, José Eliseu, Fábio Ourique e Roberto Toledo, e dos Estados Unidos da América, Eduardo Papoula, os quais serão acompanhados pelos tocadores Fernando Silva, Marco Silva, Renato Cordeiro e Toni Silva.
O referido evento terá início, na Sexta-feira, dia 26, estando a abertura do evento marcada para as 19h30, com a actuação do artista Nuno Martins. O início do festival de cantorias ao desafio está previsto para as 21h00.
No Sábado, dia 27, o evento terá início pelas 20h00, com a actuação do grupo Doce Sinfonia, seguida do festival de cantorias ao desafio que se prolongará pela noite dentro, prometendo muita música e animação.
No Domingo, dia 28, pelas 20h00, terá lugar a actuação do artista Fábio Ourique. Segue-se o festival de cantorias ao desafio, estando previsto o encerramento pelas 24h00.
De referir que, durante os três dias do festival, todos os cantadores irão actuar e interagir entre si, proporcionando vários momentos de animação e descontracção. Haverá gastronomia tradicional, como sopas variadas e outras iguarias como torresmos, inhames, morcela, chouriço, pão de milho, feijoada, favas guisadas, fava-rica e as tradicionais malassadas, arroz-doce e diversos bolos caseiros.

Edit Template
Notícias Recentes
Gastamos mais nos transportes e menos em restaurantes e alojamento - Famílias açorianas têm despesa média anual de 19.400 Euros
Navio ‘Laura’ vai trazer 300 viaturas de Lisboa
PJ faz buscas na escola Antero de Quental
Região conta com mais 94 licenciados em enfermagem a partir de hoje
Novo concurso para reabilitar ruas nas Capelas
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores