Edit Template

Clube Naval de Ponta Delgada adquire 2 novos Optimist

A partir desta semana, a Escola de Vela do Clube Naval de Ponta Delgada fica apetrechada com 2 novos Optimist, totalmente equipados e preparados para a competição.
A aquisição das embarcações vem de encontro a uma doação realizada, para a qual a Direcção do Clube decidiu canalizar para a compra do material náutico, com o intuito de continuar o trabalho de formação de atletas na modalidade de vela de base realizado pelo nosso Clube.
Numa pequena amostra dos barcos, o Presidente do Clube Naval de Ponta Delgada, Carlos Carreiro, realçou o facto, desta aquisição ser uma mais-valia para a Escola e Atletas do CNPDL. “São barcos novos que irão ajudar a manter o rumo de crescimento da modalidade no Clube, que para além de formar atletas, consagra campeões regionais; no passado, no presente e esperemos no futuro”.
Para o coordenador da escola de vela António Valério, é com grande alegria que acolhe estes dois novos equipamentos. “A Vela sendo uma actividade histórica do Clube merece este tipo de aquisição”.
Na altura em que faz 55 anos que chegaram aos Açores os primeiros Optimist, por iniciativa da Direcção presidida pelo Sr. Fernando Machado, que com a sua visão de dotar a vela de embarcações diferentes tanto com os Optimist assim como pouco mais tarde com os Vaurien, deu início àquilo que se pode considerar a era moderna da vela.
Os objectivos mantêm-se, modernizar a frota e obter resultados que consignam a historicidade do Clube no desporto náutico.
Para o Clube Naval de Ponta Delgada esta doação foi um passo importante na renovação da Escola de Vela Ligeira.

2ª PAN ILCA 4 e ILCA 6
com participação positiva
dos velejadores do Clube Naval
de Ponta Delgada

Organizado pelo Clube Naval de Portimão, realizou-se entre 2 a 4 de Fevereiro, a 2ª Prova Apuramento Nacional da classe ILCA integrada na Europa Cup 2024. Este campeonato contou com 100 inscritos, entre os quais 2 velejadores do Clube Naval de Ponta Delgada.
Em ILCA4, Ricardo Pacheco foi o melhor açoriano em prova, alcançando o 34º lugar da geral, no total de 65 velejadores.
Nos ILCA6, Raul Marques, classificou-se em 15º lugar entre os 28 atletas em competição.
As regatas decorreram sob condições difíceis, com muitas horas de Mar onde o equilíbrio foi nota dominante.

Edit Template
Notícias Recentes
Desafios da gestão bancária em debate na Faculdadede Economia e Gestão da UAc com Gualter Furtado
Arrancam sessões de apoio aos jovens empreendedores em Ponta Delgada
A última entrevista da Presidente da SATA antes da demissão: “Se este concurso não avançar, o Governo tem até 2025 para concluir com outro concurso”
SITAVA pede ao Governoque “pare imediatamente”com privatização da SATA
Martins Goulart e Mota Amaral e a Lei Eleitoral
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores