Edit Template

Câmara Municipal da Praia da Vitória pretende ter a funcionarbar da piscina do Porto Martins esta época balnear

A Câmara Municipal da Praia da Vitoria quer ter a funcionar na época balnear deste ano o bar da piscina do Porto Martins. A informação foi confirmada pela Presidente da autarquia, no âmbito da aprovação da proposta de autorização para concessão da infra-estrutura por concurso público na Assembleia Municipal da Praia da Vitória, na Vila Nova.
Segundo Vânia Ferreira, a zona balnear do Porto Martins é a única no concelho que, tem uma estrutura preparada para bar de apoio, mas não beneficia dessa valência, que se encontra encerrada há mais de uma década.
“A aprovação desta proposta permite-nos agora trabalhar no processo de concessão, para que aquele espaço esteja a funcionar durante a época balnear. Acreditamos que esta valência valorizará ainda mais aquela zona balnear, contribuindo para o reforço da atractividade da piscina do Porto Martins”, sublinha a autarca.
A Assembleia Municipal autorizou ainda a abertura de concurso público para a concessão do bar das Escaleiras, na Vila Nova.
“Foi também aprovada a renovação da redução, em 50 por cento, das taxas do mercado municipal, reforçando o nosso compromisso de dinamização daquela infra-estrutura no centro da cidade. E, neste âmbito, estamos a trabalhar para, brevemente, termos ali novidades que, em nosso entender, reforçarão a atractividade do nosso mercado”, adiantou Vânia Ferreira.
A sessão ordinária da Assembleia Municipal da Praia da Vitória decorreu esta Quinta-feira na Sociedade Filarmónica da Vila Nova.

Edit Template
Notícias Recentes
Desafios da gestão bancária em debate na Faculdadede Economia e Gestão da UAc com Gualter Furtado
Arrancam sessões de apoio aos jovens empreendedores em Ponta Delgada
A última entrevista da Presidente da SATA antes da demissão: “Se este concurso não avançar, o Governo tem até 2025 para concluir com outro concurso”
SITAVA pede ao Governoque “pare imediatamente”com privatização da SATA
Martins Goulart e Mota Amaral e a Lei Eleitoral
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores