Edit Template

Prisão preventiva para suspeito de furto nas Calhetas

O Comando Regional da Polícia de Segurança Pública dos Açores, através de Polícias da Esquadra de Rabo de Peixe, da Divisão Policial de Ponta Delgada, informou que procedeu à detenção de um indivíduo, de 22 anos, suspeito de furto de artigos de relojoaria e joalharia, em interior de residência, na freguesia das Calhetas, no passado dia 8 de Março.
Após notícia do crime de furto a decorrer, os Polícias deslocaram-se de imediato para o local da ocorrência, onde o suspeito já havia abandonado a habitação que acabara de furtar, colocando-se em fuga. Contudo, vários populares conseguiram interceptar o suspeito, tendo sido entregue posteriormente à PSP.
Foram recuperados 3 relógios e 14 peças de joalharia (brincos, pulseiras, anéis e colares), num valor total que ascende os 10.000 euros.
Após ter sido presente a 1.º interrogatório judicial, foi aplicada ao suspeito a medida de coação mais gravosa, a prisão preventiva.
A Polícia de Segurança Pública, ciente de que estes ilícitos criminais colidem com uma positiva percepção de segurança da população, “continuará especialmente atenta e diligente, no sentido de prevenir e actuar eficazmente perante situações desta natureza, direccionando os meios policiais para as áreas/locais mais fustigados por este tipo de criminalidade”.
O Comando Regional dos Açores exorta ainda a todos os cidadãos para que situações desta índole sejam devida e tempestivamente reportadas, por forma a que, através de um célere accionamento dos meios policiais adequados, seja possível concretizar uma actuação cabal e eficaz, com vista a prevenir a consumação do ilícito, a recuperação de bens patrimoniais e, bem ainda, a identificação e responsabilização do(s) autor(es) deste tipo de crimes.

Edit Template
Notícias Recentes
Câmara de Ponta Delgada investe 250 mil euros na requalificação de ruas nas Capelas
Padre açoriano ordenado no Canadá celebra missa nova nas Feteiras
Trabalhadores de terra da SATA decretam greve em Agosto e Setembro
“Tarifa Açores” mantém-se em 2024 e já beneficiou cerca de 1 milhão de passageiros
Oferta de casas para arrendar desceu 12% em Ponta Delgada no último ano
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores