Edit Template

Greve dos jornalistas estende-se aos Açores

Os jornalistas do país estão hoje em greve, num protesto convocado pelo Sindicato dos Jornalistas, que também se estende aos Açores.
Em Ponta Delgada haverá hoje uma concentração entre as 12h e as 14h, no Jardim Antero de Quental.
O Sindicato dos Jornalistas, nos Açores, aponta “a insegurança no emprego e os salários baixos praticados no sector são um grave obstáculo ao desenvolvimento pleno da profissão de jornalista. São entraves ao próprio direito dos cidadãos de serem informados livremente”.
“Um jornalista que não consegue pagar as contas ou ter um mínimo de estabilidade no emprego é um jornalista condicionado no exercício do seu trabalho. O fluxo constante de notícias nas televisões, nos jornais, na rádio e na internet é há anos sustentado por práticas laborais que atropelam os direitos dos jornalistas”, argumentam.
Os jornalistas exigem, entre outras coisas, aumentos salariais em 2024 superiores à inflação acumulada desde 2022 e a melhoria substancial da remuneração dos freelancers; A garantia de um salário digno à entrada na profissão e de progressão regular na carreira; O pagamento de complementos por penosidade, trabalho por turnos e isenção de horário; A remuneração por horas extraordinárias, trabalho noturno, e em fins de semana e feriados; O fim da precariedade generalizada e fraudulenta no sector, pelo recurso abusivo a recibos verdes e contratos a termo; O cumprimento escrupuloso das leis do Código de Trabalho, incluindo a garantia do equipamento técnico necessário, em particular para a captação de imagem e som.

Edit Template
Notícias Recentes
há 4 médicos por mil habitantes nos açores, abaixo da média nacional
Venda de carros novos dispara nos dois primeiros meses
Câmara de P. Delgada reforça em 60% verbas para as Juntas de Freguesia
Livro reúne testemunhos sobre os 50 anos do 25 de Abril nos Açores
Câmara Municipal de Ponta Delgada e Greenvolt entregam Bolsas de Mérito a alunos do ensino secundário
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores