Edit Template

Açorianos poderão votar antecipadamente no dia 28 de Janeiro

Vai ser possível votar antecipadamente nas três eleições previstas para este ano no nosso país.
O direito ao voto antecipado em mobilidade para as eleições regionais dos Açores pode ser exercido a 28 de Janeiro.
No caso das eleições legislativas nacionais de 4 de Março, os eleitores podem votar antecipadamente em mobilidade a 3 de Março.
No caso das europeias, o voto em mobilidade pode ser feito, sem inscrição prévia, a 2 de Junho.
Todos os cidadãos recenseados no território nacional podem inscrever-se para votar antecipadamente.
Esta modalidade, designada “voto antecipado em mobilidade”, é permitida na legislação eleitoral, desde que se cumpram os prazos de inscrição.
No momento da inscrição, são pedidos os seguintes dados: nome completo, data de nascimento, número de identificação civil, município onde pretende votar antecipadamente, contacto telefónico e endereço de email.
As inscrições para o voto antecipado em mobilidade decorrem entre 21 e 25 de Janeiro no caso das eleições regionais dos Açores.
Quem quiser votar antecipadamente para as legislativas pode inscrever-se entre 25 e 29 de Fevereiro e não precisa de qualquer justificação.
A inscrição é feita no site “Voto Antecipado”.
Depois de inscrito, será emitido um comprovativo e poderá consultar a sua inscrição no mesmo site.
Já no caso das europeias não necessitará de fazer qualquer inscrição prévia para votar em mobilidade, graças a um regime excepcional aprovado pelo Parlamento em Novembro.
Os eleitores poderão votar antecipadamente ou em mobilidade em qualquer mesa de voto em território nacional ou no estrangeiro.

Voto de doentes
e reclusos


Para quem mora em Portugal mas não se pode deslocar pessoalmente às urnas, existe a possibilidade de votar antecipadamente no estabelecimento hospitalar, ou no estabelecimento prisional, em que se encontre.
Esta possibilidade está prevista para as eleições regionais, legislativas e europeias.
No caso das eleições regionais açorianas, doentes e presos podem fazê-lo entre 22 e 25 de Janeiro.
Nas eleições legislativas, os doentes e presos podem votar antecipadamente entre 26 e 29 de Fevereiro.
Já nas eleições europeias, podem votar antecipadamente entre 27 e 30 de Maio.

Para quem está
no estrangeiro

Nas legislativas, pode votar de duas maneiras: ou presencialmente no consulado, ou através de carta.
Caso opte por votar via postal, pode fazê-lo entre 9 de Fevereiro e 10 de Março.
Já no caso das eleições europeias, é apenas possível votar presencialmente (não existe a opção de voto postal) num dos locais listados nas representações diplomáticas, que pode consultar no site da Comissão Nacional de Eleições.
Neste caso, a votação tem lugar no dia anterior ao marcado para a eleição e no próprio dia da eleição, ou seja, nos dias 8 e 9 de Junho.

Para quem está a viajar

Para quem está fora do país à data das eleições mas não tem morada no estrangeiro, é possível votar antecipadamente em mobilidade num consulado ou embaixada.
No caso das legislativas, pode fazê-lo entre 27 e 29 de Fevereiro.
Nas europeias, pode votar entre 28 e 30 de Maio.

Em caso de dúvidas

Poderá ligar para o 808 206 206 ou enviar email para [email protected].
Para mais informações sobre como votar, pode também consultar o site da Comissão Nacional de Eleições.

Edit Template
Notícias Recentes
Governo activa regime de apoio á emergência climática
Alexandre Gaudêncio destaca importância do XX Concurso Micaelense da Raça Holstein Frísia
Câmara da Lagoa apresenta ópera “Suor Angelica”
Carreiras dos farmacêuticos no Parlamento
República financia captação de águana Praia da Vitória
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores