Edit Template

Atlânticoline lança concurso para aquisição de dois barcos eléctricos por 25 milhões de euros

A Atlânticoline lançou ontem um concurso público para a construção de dois navios eléctricos, no valor de 25 milhões de euros, que deverão integrar a operação nas ilhas do Triângulo, nos Açores, em 2026.
Os navios, que irão transportar passageiros e viaturas, deverão operar no canal Horta/Madalena e no canal Velas/São Roque e serão movidos inteiramente a energia elétrica, segundo a empresa, que tenciona que as embarcações integrem a operação da empresa em 2026.
Segundo a empresa pública, o preço base é de 25 milhões de euros para os dois navios e as candidaturas poderão ser entregues até 14 de fevereiro de 2024.
A construção dos dois navios eléctricos tem como objectivo “descarbonizar a operação da empresa no Triângulo”, sublinha a Atlânticoline.
“Trata-se de um concurso limitado por prévia qualificação, com publicidade internacional, que tem por objecto a escolha da proposta que servirá de base à outorga de um contrato para a construção de dois navios eléctricos, destinados ao transporte de passageiros e viaturas na Região Autónoma dos Açores”, segundo explica ainda a operadora marítima, numa nota de imprensa.
Além das construções, certificações, homologações e aprestamentos dos navios, o contrato abrange a realização e desenvolvimento dos projectos, ensaios e testes.
Actualmente, a frota própria da Atlânticoline é composta por cinco embarcações: a lancha Ariel, com capacidade para 12 passageiros, os navios Cruzeiro das Ilhas e Cruzeiro do Canal, com capacidade para 191 passageiros, e os ferries Mestre Jaime Feijó e Gilberto Mariano, cujas capacidades são, respectivamente, 333 passageiros/13 viaturas e 296 passageiros/10 viaturas.
Recorde-se que a intenção da Atlânticoline, por orientação do Governo Regional, é que, depois da aquisição destes dois navios, seja dispensado um dos que operam actualmente no triângulo para efectuar a operação entre S. Miguel e Santa Maria.

Edit Template
Notícias Recentes
União Desportiva do Nordeste comemora os 50 anos do clube
2ª edição da formação “Cidadania Digital: Riscos e Oportunidades da Internet”
Bolieiro manifesta oposição à criação de uma taxa turística regional
Actividade ambulatória de Pediatria regressa amanhã ao HDES
Há 5 municípiosnos Açores com mais procura de casas para viver no campo
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores