Edit Template

Zeca Medeiros leva “Dúvida Soberana”ao Teatro Maria Matos em Lisboa

O conhecido artista açoriano Zeca Medeiros, músico, compositor, actor e realizador, vai actuar no Teatro Maria Matos, em Lisboa, no dia 19 de Março.
Depois de “Aprendiz de Feiticeiro”, o cantautor voltou aos discos originais com “A Dúvida Soberana”.
“A Dúvida Soberana”é um projecto quase conceptual, onde o artista micaelense surge rodeado de uma série de grandes instrumentistas e algumas brilhantes vozes do nosso panorama musical – Filipa Pais, João Afonso, Katia Guerreiro, Carlos Guerreiro, Manuel Rocha, Rafael de Carvalho, Carlos Peninha, só para citar alguns – abordando a temática das viagens marítimas, onde até na composição de abertura do disco se celebra o “achamento” da ilha de Sta. Maria.

Zeca leva
convidados especiais

Está, portanto, de volta, um notável artífice da palavra, um retratista de viagens marítimas e um peregrino de grandes emoções, que mais uma vez surpreende pela sua veia criativa e pela excelência das propostas, ao mesmo tempo que se transforma de novo num romeiro de aventuras terrenas e marítimas e, acima de tudo, num carismático alquimista da música popular portuguesa.
Ao vivo, neste espectáculo, Zeca Medeiros apresenta-se acompanhado dos seus convidados especiais: Carlos Guerreiro, Filipa Pais, João Afonso e Katia Guerreiro; e dos seus músicos: Jorge A. Silva (piano), Gil Alves (sopros e percussão) e Rogério Cardoso Pires (guitarra).

Memória colectiva nacional

As suas obras fazem parte da memória colectiva nacional, sendo puras referências do cinema e da televisão pública. Séries como “Mau Tempo no Canal”, “Xailes Negros” ou “Gente Feliz com Lágrimas”, são exemplos da sua versatilidade e talento.
Além de ter sido o realizador dessas obras, também foi da sua alçada a composição das respectivas bandas sonoras.
Em alguns casos, dando voz a intérpretes, como Minela, Dulce Pontes ou Susana Coelho.

Edit Template
Notícias Recentes
União Desportiva do Nordeste comemora os 50 anos do clube
2ª edição da formação “Cidadania Digital: Riscos e Oportunidades da Internet”
Bolieiro manifesta oposição à criação de uma taxa turística regional
Actividade ambulatória de Pediatria regressa amanhã ao HDES
Há 5 municípiosnos Açores com mais procura de casas para viver no campo
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores