Edit Template

Empresas de rent-a-car dos Açores vão debater problemas do setor

No próximo dia 19 de Fevereiro, a ARAC – Associação Nacional dos Locadores de Veículos, promove uma reunião das empresas do sector de aluguer de automóveis sem condutor em regime de curta duração (rent-a-car), que contará com a presença do Delegado e Vogal do Conselho Diretor representante dos Açores e Madeira, Luis Rego, e do Secretário-geral Joaquim Robalo de Almeida.
O encontro contará com a presença de várias empresas associadas da ARAC a operar nos Açores e Madeira.
A reunião terá lugar no Hotel Marina Atlântico em Ponta Delgada, onde entre outros assuntos, serão abordados os seguintes temas: o ano turístico de 2023 no sector de rent-a-car, com apresentação dos principais elementos estatísticos, perspectivas para o ano turístico de 2024, revisão dos quadros legislativos do rent-a-car e rent-a-cargo, adaptação às novas competências digitais, a IA – Inteligência Artificial no rent-a-car e rent-a-cargo e a electrificação da frota de rent-a-car.
A Associação Nacional dos Locadores de Veículos tem a convicção de que “o rent-a-car será, neste século, o porta-estandarte da descarbonização da mobilidade automóvel e da racionalização do número de veículos em circulação, nomeadamente através da alteração do paradigma da propriedade e da forma de utilização que à semelhança do que aconteceu no início do século passado, com a substituição dos veículos de tracção animal pelos veículos motorizados, o rent-a-car será mais uma vez o motor da transformação da mobilidade”.
A ARAC vai realizar ainda no primeiro semestre deste ano reuniões regionais com as empresas suas associadas no Norte, Centro e Lisboa.

Edit Template
Notícias Recentes
Prioridade nas creches será para crianças de pais trabalhadores
Milhares de Sopas do Espírito Santo hoje no Campo de S. Francisco
Açores registam forte subida no ranking das escolas
Número de doentes internados com Covid-19 está abaixar
Arquivado processo de dois padres Açorianos suspeitos de abuso sexual
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores