Edit Template

Há 49 freguesias dos Açores e da Madeira que ainda não possuem 5G

Há 49 freguesias das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira que ainda não possuem estações 5G.
A proporção daquelas que dispõem de estações 5G é de 77% (161 freguesias), existindo 49 freguesias destas regiões sem qualquer estação 5G instalada, revelou ontem a ANACO, reguladora das comunicações em Portugal.
Numa nota enviada ao nosso jornal, a ANACOM revela que, no final de 2023, de acordo com a informação reportada pelos operadores à ANACOM, o número de estações de base instaladas no território nacional com tecnologia 5G ascendia a 8927 estações. Tal representa um acréscimo de 53% do número de estações face ao reportado no final de 2022.
Especificamente, verificou-se a seguinte evolução entre o final do 3.º trimestre de 2023 e 4.º trimestre de 2023:
O número de estações de base 5G1 instaladas teve um acréscimo de 9%, correspondendo a 701 novas estações.
O número de freguesias em que existem estações 5G cresceu em 11%, das quais:

  • freguesias de Baixa Densidade com estações 5G (mais 21%), correspondendo a 200 novas freguesias,
  • freguesias nas Regiões Autónomas com estações 5G (mais 5%), com mais 7 novas freguesias.
    A NOS mantém-se como o operador que instalou mais estações de base 5G, sendo seguida pela Vodafone e pela MEO.

No que respeita à variação do número de estações instaladas por operador face ao trimestre anterior, a NOS cresceu 9% (+ 346 estações), a Vodafone 10% (+ 283 estações) e a MEO 5% (+ 72 estações).
No final do 4.º trimestre de 2023, as estações de base 5G estavam distribuídas por 308 concelhos (a totalidade dos concelhos no país) e por 2136 freguesias (69% das freguesias no país).
Tomando como referência o final do 4.º trimestre, a NOS é o operador que instalou um maior número de estações de base 5G, num total de 4235 estações (47%), seguindo-se a Vodafone com 3233 estações (36%) e a MEO com 1459 estações (16%).
Desde que no final de 2021 foram emitidos os títulos dos direitos de utilização de espectro de radiofrequências, na sequência do Leilão 5G, os operadores têm vindo a efetuar investimentos nas respetivas redes móveis. Para o efeito, até ao final de 2023, a MEO, a NOS e a VODAFONE instalaram 8927 estações de base associadas ao 5G.
Estas estações de base estão distribuídas por todo o país, encontrando-se presentes em todos os concelhos do Continente e das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores, na maioria dos quais através dos três operadores referidos, e em 69% das freguesias do país. Atendendo às características das redes móveis 5G – que se antecipa que venham a ter um grau de densidade de antenas relativamente elevado, por comparação com tecnologias anteriores – é expectável que continue a existir um ritmo relevante de investimento na instalação de mais estações de base, com vista ao reforço da cobertura e da capacidade das redes.

Edit Template
Notícias Recentes
Desafios da gestão bancária em debate na Faculdadede Economia e Gestão da UAc com Gualter Furtado
Arrancam sessões de apoio aos jovens empreendedores em Ponta Delgada
A última entrevista da Presidente da SATA antes da demissão: “Se este concurso não avançar, o Governo tem até 2025 para concluir com outro concurso”
SITAVA pede ao Governoque “pare imediatamente”com privatização da SATA
Martins Goulart e Mota Amaral e a Lei Eleitoral
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores