Edit Template

Detido indivíduo pela presumível autoria de um crime de violência doméstica na Povoação

O Comando Regional da Polícia de Segurança Pública (PSP) dos Açores, através de Polícias da Esquadra da Povoação, da Divisão Policial de Ponta Delgada, informa que, procedeu à detenção, em flagrante delito, no pretérito dia 18 de Março, de um indivíduo, do sexo masculino, de 51 anos, pela presumível autoria de um crime de violência doméstica.
Na sequência de uma denúncia sobre ameaças e agressões que estavam a decorrer de filho contra a sua mãe, pessoa idosa, perpetrado na freguesia do Faial da Terra, concelho da Povoação, a PSP através de um ajustado emprego de meios policiais, logo após ter tido conhecimento do crime, deslocaram-se no imediato para a residência da vítima, mãe do suspeito, de 83 anos, com o intuito de aferir o que se estava a passar e auxiliar a mesma.
Neste enquadramento, os policias da Esquadra da Povoação, interceptaram o suspeito, no interior de moradia, onde a vítima e o suspeito residem, que se encontrava notoriamente alcoolizado e extremamente agressivo e a indicar que os iria matar, bem como, a vítima, quando esses fossem embora, tendo sido detido em flagrante delito e recolhido a sala de detenção para salvaguarda da integridade física e vida da vítima.
Ao detido, após ter sido presente à Autoridade Judiciária competente, foi-lhe aplicada a medida de coacção de afastamento da vítima por 200 metros e da moradia onde residia com a sua progenitora.
O Comando Regional dos Açores aproveita a oportunidade para salientar mais uma rápida intervenção das autoridades judiciárias e policiais perante um flagelo criminal que mantém significativa expressão em toda a Região Autónoma dos Açores, surgindo, não raras vezes, associado a consumos aditivos por parte dos agressões, os quais sob influências dessas substâncias acabam cometer os mais vários tipos de violência doméstica sobre os respectivos companheiros e até sobre outras pessoas que com eles coabitam.


Detidos 2 pela suspeita

da prática dos crimes
de tráfico de estupefacientes
em Angra do Heroísmo

O Comando Regional da Polícia de Segurança Pública dos Açores, através da Esquadra de Investigação Criminal, em estreita colaboração com a Esquadra de Angra do Heroísmo e a Força Destacada do Grupo Operacional Cinotécnico da Unidade Especial de Policial, na Divisão Policial de Angra do Heroísmo, no dia 18 de Março, procederam à detenção, em flagrante delito, dois homens, de 52 e de 54 anos, ambos pela suspeita da prática dos crimes de tráfico de estupefacientes e posse de arma proibida, no concelho de Angra do Heroísmo.
No âmbito de uma investigação criminal que decorria há vários meses e, no seguimento de uma operação policial que consistiu na concretização de diversas diligências processuais, designadamente no cumprimento de buscas domiciliárias, foi possível detectar e apreender 60 doses de heroína, armas proibidas, no âmbito do Regime Jurídico das Armas e Munições, quantias monetárias, entre outros objectos relacionados com o ilícito.
Após terem sido sujeitos a 1º interrogatório judicial, o Juiz de Instrução Criminal aplicou aos arguidos as medidas de coacção de Termo de Identidade e Residência.
Com a presente operação, a Divisão Policial de Angra do Heroísmo continua a sua acção de combate ao fenómeno do tráfico de estupefacientes, e, nessa medida, a potenciar o sentimento de segurança da população e na senda da visão da PSP: “Uma Polícia das pessoas e para as pessoas: segurança, igualdade, respeito e confiança”.

Edit Template
Notícias Recentes
Produtores e Industriais das pescas criticam Lotaçor por praticar preços superiores à congénere madeirense
Menos pescado e menos valor descarregados em Maio nos portos dos Açores
Insolvências subiram 117% em Ponta Delgada nos primeiros 5 meses deste ano
O melhor do nacional de surf é já depois de amanhã na Ribeira Grande
Bolieiro diz que incêndio deve ser encarado como oportunidade para tornar HDES numa “referência”no país
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores