Edit Template

Dia Mundial da Poesia assinalado na Lagoa com palestra de Júlio Tavares Oliveira

No âmbito das comemorações do Dia Mundial da Poesia, a Câmara Municipal da Lagoa, através do Serviço Educativo da Biblioteca Municipal Tomaz Borba Vieira, promoveu uma palestra, proferida por Júlio Tavares Oliveira, intitulada «Comemorando 10 anos de escrita literária: os desafios de um jovem escritor».
A iniciativa foi apresentada aos alunos do 10.º ano, no auditório da Escola Secundária da Lagoa, com o objectivo de promover a leitura, a escrita, a publicação e o ensino da poesia.
Na sua palestra, Júlio Tavares Oliveira começou por descrever o seu percurso escolar e formação elementar e académica, assim como a sua experiência profissional e literária. Apresentou, depois, a distinção entre linguagem literária/artística e linguagem não literária e descreveu a importância dos “clássicos” na formação do escritor/poeta. Concluiu a apresentação, referindo as suas aprendizagens de vida, ao longo dos últimos 10 anos, e oferecendo a oportunidade aos jovens de colocarem questões.
Com apenas 26 anos de idade, o autor natural de Lagoa, São Miguel, possui já vários livros de poesia e história local publicados. Na área da poesia, publicou sete obras entre elas: «Nomes», «O Diagrama do Escuro», «Versos Experimentados», «Mors-Amor» e «Para que lado cai a carne quando morre».
De referir, ainda, que o jovem autor lagoense venceu, dois anos consecutivos (2022 e 2023), o Concurso de Poesia da Universidade dos Açores/FCSH/AmericanCorner. Foi apresentado, ou prefaciado, por alguns nomes da poesia açoriana e literatura portuguesa, como Leonor Sampaio e Silva, Urbano Bettencourt, Daniel Gonçalves, Onésimo Teotónio Almeida, Ana Cristina Gil, Maria João Ruivo, Susana Goulart Costa, Nuno Costa Santos e Pedro Chagas Freitas, entre outros. Participou em várias antologias e teve duas participações na conceituada revista literária «Grotta». É aluno do terceiro ano de Estudos Portugueses e Ingleses, pela Universidade dos Açores e tem formação profissional em Escrita Criativa, Métodos e Técnicas Pedagógicas e em Educação Não-Formal em Contexto Escolar.
De lembrar que, as comemorações do Dia Mundial da Poesia iniciaram na Lagoa, com a palestra dedicada a Manuel Augusto de Amaral, ministrada por Malvina Sousa, que teve lugar no Auditório Ferreira da Silva, na Vila de Água de Pau.
O Dia Mundial da Poesia comemora-se anualmente, a 21 de Março. A data foi implementada na 30.ª Conferência Geral da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), em 1999. Este dia pretende salientar a importância da poesia enquanto manifestação artística comum a toda a Humanidade. Celebra também a criatividade, a pluralidade linguística e cultural e promove o ensino e a declamação da poesia.

Edit Template
Notícias Recentes
Produtores e Industriais das pescas criticam Lotaçor por praticar preços superiores à congénere madeirense
Menos pescado e menos valor descarregados em Maio nos portos dos Açores
Insolvências subiram 117% em Ponta Delgada nos primeiros 5 meses deste ano
O melhor do nacional de surf é já depois de amanhã na Ribeira Grande
Bolieiro diz que incêndio deve ser encarado como oportunidade para tornar HDES numa “referência”no país
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores