Edit Template

Ponta Delgada faz hoje 478 anos

A Câmara Municipal assinala hoje o 478.º aniversário da elevação de Ponta Delgada a cidade, pelas 17h00, no Coliseu Micaelense, numa cerimónia solene em que Carlos César, Presidente do Governo da Região Autónoma dos Açores, entre 1996 e 2012, e Manuel Arruda, antigo Secretário Regional do Governo dos Açores e Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, entre 1993 e 2001, receberão a “Chave de Honra do Município”.
Trata-se da mais alta distinção honorífica municipal e será entregue a Carlos César e a Manuel Arruda em reconhecimento dos altos cargos que desempenharam e das acções meritórias que desenvolveram em benefício do Município de Ponta Delgada.

Grupo Bensaúde e Finançor
recebem Medalha de Ouro

Com a “Medalha de Ouro do Município”, “Medalha de Mérito Municipal”, “Diploma de Cidadão Honorário” e com o “Diploma de Reconhecimento Municipal”, serão também distinguidas várias outras entidades e personalidades que contribuíram ou contribuem para o progresso e bem-estar social do concelho de Ponta Delgada.
A “Medalha de Ouro do Município” será entregue aos Grupos Bensaude e Finançor, e, a título póstumo, ao apresentador, locutor e empreendedor Victor do Carmo Cruz, bem como aos médicos Carlos Pereira Duarte e Jaime Pereira Forjaz Sampaio.
Na mesma cerimónia, João Luís Gaspar, antigo reitor da Universidade dos Açores, vai ser distinguido com o “Diploma de Cidadão Honorário”.
A “Medalha de Mérito Municipal” será atribuída ao Rancho Folclórico de Santa Cecília da Fajã de Cima, ao Judo Clube de Ponta Delgada, à Presidente da Associação Gímnica dos Açores e treinadora de aeróbica, Alexandra Barroso, e, a título póstumo, à empresária Fátima Pacheco de Medeiros.

Santos Narciso
e Sidónio Bettencourt com
Diploma de Reconhecimento

Por seu turno, os Tunídeos – Tuna Masculina da Universidade dos Açores e a Fundação Gaspar Frutuoso vão ser agraciados com o “Diploma de Reconhecimento Municipal”, assim como os jornalistas Sidónio Bettencourt e José Manuel dos Santos Narciso.
A mesma distinção honorífica será também entregue ao Padre Nemésio Medeiros, ao antigo Chefe Coordenador da Esquadra de Investigação Criminal da Polícia de Segurança Pública de Ponta Delgada, Humberto Bettencourt, à académica e escritora Margarida Lalanda, ao empresário e proprietário da Loja Londrina, Carlos Sá, bem como ao casal Liberto e Nélia Furnas, que salvou uma família de Santo António na sequência de uma tempestade ocorrida em agosto de 2023.
A título póstumo, o “Diploma de Reconhecimento Municipal” vai ser ainda atribuído ao antigo presidente da Junta de Freguesia da Candelária, João Alberto Pereira, ao antigo automobilista e empresário, Horácio Franco, e a António Ferreira Pacheco, que foi representante da Fundação dos Botelhos de Nossa Senhora da Vida, na Cinaçor, e um dos grandes impulsionadores da venda do Coliseu Micaelense à Câmara Municipal de Ponta Delgada, em 2005.
Na cerimónia desta Terça-feira, Dia da Cidade, a Câmara Municipal de Ponta Delgada vai homenagear as personalidades e entidades que foram agraciadas com distinções honoríficas municipais, em 2020, conferindo dignidade ao acto solene que teve de ser adiado por força das contingências da pandemia Covid-19.
A “Medalha de Ouro do Município” será, assim, entregue aos jornais Correio dos Açores e Diário dos Açores, pela sua missão de reconhecido interesse público e pela sua especificidade regional e nacional.
A título póstumo, vai ser atribuída a “Medalha de Mérito Municipal” a Gustavo Moura, um dos mais marcantes jornalistas açorianos da segunda metade do século XX, e o “Diploma de Reconhecimento Municipal” a Ruy-Guilherme de Morais, também pela sua destacada actividade jornalística e literária.

Edit Template
Notícias Recentes
Taxa turística em São Miguel adiada para 1 de Janeiro 2025
ANAC investiga nos Açores se há práticas anticoncorrencias na aviação
“Rotterdam” Hoje em Ponta Delgada com 2.500 Passageiros
Governo dá continuidade à estrutura de missão no âmbito da saúde mental
Normalizadas as ligações aéreas com o Corvo
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores