Mais de 230 quilos de lapas apreendidos nas Velas tinham como destino S. Miguel

Lapas apreendidas em S. Jorge

A GNR apreendeu na ilha de São Jorge, na última Segunda-feira, 10 de Junho, 232 quilos de lapa brava (Patella Aspera), com o valor presumível de 2 320 euros.

De acordo com o comunicado divulgado pela GNR, a apreensão resultou de uma denúncia: “no âmbito de uma denúncia por transporte de univalves com intuito de fuga à lota, os militares fiscalizaram um homem, de 62 anos, que estava prestes a embarcar uma viatura de mercadorias num navio de passageiros, com destino à ilha de São Miguel. Na viatura, o indivíduo transportava uma arca congeladora com as referidas lapas congeladas, sendo que o infractor não possuía licença para a captura desta espécie”, lê-se.

Ao homem em causa, foi elaborado o respectivo auto de contraordenação por fuga à lota e por falta de licença de apanha de lapas válida, infracções estas “puníveis com uma coima até 3 740 euros”. Segundo frisam as autoridades, “a venda do pescado em lota garante a rastreabilidade, assegura a salubridade e a não adulteração dos produtos da pesca, promove a confiança no consumidor e a qualidade e valorização do pescado, contribuindo, assim, para o aumento do rendimento dos pescadores e simultaneamente para a boa gestão dos recursos”.