Vasco Cordeiro quer “novo impulso” para economia e emprego em cada ilha

alamo e Vasco Cordeiro - reunião CMAngra

O Presidente do Governo manifestou ontem confiança na capacidade de cada uma das ilhas retomarem a normalidade interrompida nos últimos meses pela pandemia de Covid-19, assegurando que o executivo açoriano está a trabalhar para permitir “um novo impulso” à actividade económica e ao emprego na Região.

“O que interessa agora é trabalhar para que a parte da economia e do emprego possa ganhar um novo impulso, no sentido de retomarmos o trajeto de desenvolvimento e progresso que vínhamos seguindo na Região”, afirmou Vasco Cordeiro, após ter reunido com o Presidente da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo.

Segundo disse, este encontro com Álamo de Meneses, que se inseriu num conjunto de contactos que tem sido realizado nos últimos dias, permitiu analisar a fase de retoma no concelho de Angra do Heroísmo, dedicando “muita atenção à parte da economia e da renovação da confiança nesta área”.

“Esta reunião foi muito útil, não só porque permitiu uma troca de impressões sobre a forma como o Município mobilizou recursos para acudir a situações que esta pandemia tornou necessário responder, mas, sobretudo, pela perspetiva para o futuro”, sublinhou Vasco Cordeiro.

Em declarações aos jornalistas, o Presidente do Governo adiantou que, nesta nova fase, há matérias que têm a ver com as autarquias locais, há matérias que têm a ver com o Governo dos Açores, mas também “há matérias que ganham com uma atuação conjunta de ambas as partes”.

“Renovarmos esta confiança naquilo que é a capacidade de cada uma das nossas ilhas de conseguirem retomar essa normalidade, é uma mensagem importante que, desta reunião, sai para o futuro”, sublinhou Vasco Cordeiro.

Após a reunião, o Presidente do Governo referiu que a Agenda para o Relançamento Social e Económico dos Açores está em fase de conclusão, um documento que conta com o contributo dos parceiros sociais e dos partidos políticos, e que “pretende ser um mapa que guie a Região agora por esta nova fase da nossa vida colectiva”.

“Este documento será também colocado à apreciação e recolha de contributos por parte das autarquias locais”, disse o Presidente do Governo, ao recordar que a ilha Terceira, que não regista qualquer caso positivo de infeção pelo novo coronavírus há já algum tempo, já teve, à semelhança das restantes ilhas dos Açores, o seu processo de reabertura concluído na generalidade.

Esta deslocação de Vasco Cordeiro à ilha Terceira insere-se num conjunto de reuniões e de visitas que decorreram nas últimas semanas na ilha de São Miguel, em áreas como a educação, as pescas, a agricultura, o turismo, a economia e o emprego, na sequência do levantamento gradual e progressivo das restrições implementadas no âmbito do combate à pandemia da COVID-19.

 Hoje e amanhã, o Presidente do Governo desloca-se às Flores e ao Corvo, onde, entre outras iniciativas, reunirá com os Presidentes das Câmaras Municipais destas duas ilhas, visitando, nas Flores, as obras do Porto das Poças e de construção da proteção de emergência do terrapleno do Porto das Lajes, destruído pelo furacão Lorenzo no final de Outubro.

 Vasco Cordeiro desloca-se depois às restantes ilhas da Região, onde prosseguirá esta ronda de contactos e de visitas.