Aeroporto de Ponta Delgada é o segundo com mais atrasos

aeroporto PDLlO Aeroporto João Paulo II, em Ponta Delgada, é o segundo do país onde se registam mais atrasos na hora da partida, 29%, só ultrapassado pelo Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, com 30%.

Segundo dados revelados pela AirHelp, o total de 97.373 voos com origem no aeroporto de Lisboa, em 2017, 30% partiram atrasados. 

O valor é mais elevado que a média registada nos principais aeroportos da Europa analisados, onde a taxa de atrasos, na partida, vai dos 18% em Madrid, até aos 27%, em Frankfurt.

São contabilizados como atrasados os voos que chegaram ao destino mais de 15 minutos depois do horário previsto.

Em Portugal, é em Lisboa que se registam mais atrasos (30% dos voos), seguida pelo Aeroporto João Paulo II, em Ponta Delgada (29%), nos Açores. 

No lado oposto da tabela, com o menor número de atrasos, estão os aeroportos de Faro (16%) e do Funchal (18%).

Os dados revelados pela AirHelp, empresa que vende ajuda a passageiros na hora de reclamar contra os serviços de aviação, confirmam que o número de partidas de aeroportos portugueses aumentou em 2017 (cerca de 185 mil voos) em relação a 2016, (cerca de 165 mil). 

O maior número de atrasos aconteceu no aeroporto com mais tráfego: houve mais descolagens, em Lisboa, que em todos os outros aeroportos portugueses juntos.

Segundo os dados da AirHelp, a taxa de pontualidade dos voos que partem de Portugal é mais elevada à segunda-feira (77% dos voos chegam ao destino dentro do horário previsto). 

Por outro lado, quinta-feira parece ser o dia mais propício a perturbações - 29% chegam ao destino com atraso.

O pior horário para viajar é ao princípio da tarde - 30% dos voos que partem entre as 12h00 e as 15h59 aterram fora de horas. 

Quem pretende mesmo chegar a horas ao destino, o melhor é marcar viagem com partida à noite ou de madrugada. 

O melhor período do dia para viajar é no horário 22h00/05h59 que surge no topo da pontualidade, com uma taxa de sucesso de 79%.