Aeroporto de Ponta Delgada baixou ranking

aeroporto PDLlOs aeroportos portugueses, que sistematicamente figuravam como líderes de crescimento na Europa, actualmente crescem menos que a média europeia, porque o abrandamento do crescimento de Lisboa não tem beneficiado os outros aeroportos, que estão piores que o da capital, à excepção do Porto. 

Para os portugueses, referindo-se a Lisboa, Porto, Faro, Funchal e Ponta Delgada, o ACI (Airports Council International) indica um aumento em 4,1%, quando ainda no primeiro semestre dava um crescimento dos aeroportos portugueses em 9%, enquanto o crescimento médio na Europa era de 6,7%, com 5,4% nos países da União Europeia. 

Essas quedas, porém, são mais que compensadas pelos aumentos no Porto e em Ponta Delgada, que em Agosto tiveram, respectivamente mais cerca de 107 mil (+9,6%, para 1,218 milhões) e mais cerca de 13 mil passageiros (+5,7%, para 245,9 mil) que em Agosto de 2017. 

Os dados do ACI mostram que Lisboa se manteve em Agosto o 22º maior aeroporto europeu em número de passageiros, o Porto subiu de 57º a 11º, Faro baixou de 52º para 58º, o Funchal baixou de 127º para 133º e Ponta Delgada manteve-se em 146º.

No conjunto dos primeiros oito meses, beneficiando do crescimento mais forte no primeiro semestre, Lisboa subiu de 23º a 20º maior aeroporto da Europa, o Porto subiu de 54º para 53º, Faro baixou de 60º para 65º, o Funchal baixou de 112º para 121º e Ponta Delgada baixou de 147º para 151º.