Artigos

Ribeira Grande investe 400 mil euros em obras na zona nascente do concelho

camara ribeira grande

A Câmara da Ribeira Grande está a investir cerca de 400 mil euros em obras nas freguesias da zona nascente do concelho. 

Uma das obras que está em desenvolvimento é a empreitada de requalificação da rua Vera Cruz, nos Fenais da Ajuda, que envolve a requalificação da via, passeios e colocação de nova rede de águas e esgotos. “É uma intervenção em cerca de meio quilómetro de extensão que vai renovar uma das principais entradas da freguesia. Este investimento, há muito ansiado pela população local, é mais um compromisso que a Câmara da Ribeira Grande concretiza no mandato em curso”, refere a autarquia, em nota.

Ainda na zona nascente do concelho, mas entre as freguesias de Porto Formoso, São Brás e Maia, a autarquia está a proceder à instalação de uma nova adutora para abastecimento de água a estas freguesias, empreitada que tem um prazo de execução de nove meses. 

O Presidente da autarquia, Alexandre Gaudêncio, visitou as obras em curso na manhã desta Segunda-feira, acompanhado pelo vereador Carlos Anselmo e pelo Presidente da Junta de Freguesia dos Fenais da Ajuda, Rodrigo Pacheco, registando o “bom andamento” das mesmas. “É com satisfação que vemos obras importantes para as freguesias em andamento e que visam melhorar a qualidade de vida das pessoas. Trata-se de um investimento global que ronda os 400 mil euros e que concretiza anseios de vários anos”, disse. 

 

Câmara da Ribeira Grande entrega computadores portáteis pelas escolas básicas do concelho

camara ribeira grandeA Câmara Municipal da Ribeira Grande deu início à distribuição dos 125 computadores portáteis e 50 equipamentos de internet junto das escolas básicas do concelho – Ribeira Grande, Rabo de Peixe e Maia – para fazer face às necessidades identificadas pelos estabelecimentos de ensino para poderem dar resposta ao ensino à distância.

O investimento, de cerca de 40 mil euros, visa “colmatar lacunas junto das famílias que não possuem este tipo de equipamento para que os alunos possam completar o 3.º período do ano lectivo 2019/2020 através do ensino à distância”, explicou Alexandre Gaudêncio. O edil deixou claro que “os equipamentos funcionarão na modalidade de empréstimo, pelo que no final do ano lectivo deverão ser devolvidos às escolas que farão a sua gestão de utilização”.

ATA apresenta plano estratégico para retoma do turismo

LagoadasSeteCidades

O Conselho Consultivo da ATA esteve reunido onde apresentou um plano estratégico com o foco na retoma do Turismo, um sector de peso na economia da regional. Marcaram presença no encontro de trabalho 19 personalidades representando 15 entidades regionais.

Conforme se pode ler na nota enviada à Comunicação Social, o plano apresentado pela ATA, tem em consideração “o Novo Paradigma no Turismo, do qual serão fundamentais a reputação e a preocupação pela segurança sanitária”.

Entende a Associação de Turismo dos Açores, “que os turistas vão querer evitar destinos de grande aglomerado de pessoas, valorizando desse modo, destinos com menos concentração de pessoas, privilegiando, o mais autêntico e o mais natural. Vão também valorizar e sentir necessidade de ter experiências ao ar livre, respirar ar puro e o contacto com a natureza, enquanto sinónimo de saúde e bem-estar. A preocupação pela escolha de destinos sustentáveis será cada vez maior”. Por este motivo, a ATA acredita que tal situação pode revelar-se numa “oportunidade de ouro para posicionar os Açores, na linha da frente, enquanto destino turístico, que reúne condições únicas para satisfazer as necessidades dos viajantes”. Para tal, avança, “é imperativo o comprometimento de todos”. 

Tendo em consideração que os mercados emissores estão, desde logo, condicionados pela reabertura das acessibilidades aéreas, a ATA entende que “a estratégia para alcançar a retoma económica deverá ser faseada, começando pela implementação de medidas sanitárias (crucial para o processo de retoma), passando para o estímulo dos mercados, devendo começar pelo mercado regional, como forma de mostrar aos mercados emissores uma mensagem de confiança e de união do povo açoriano, e será também uma boa oportunidade para muitos açorianos aproveitarem para conhecerem e vivenciarem outras ilhas”.

Este plano estratégico apresentado contou com o apoio e a aprovação das 15 entidades regionais presentes na reunião do Conselho Consultivo, que também contribuíram com algumas ideias.

Suspensa operação sazonal de transporte marítimo de passageiros e viaturas inter-ilhas até 2021

Gilberto mariano - barco

A Secretária Regional dos Transportes e Obras Públicas anunciou ontem, em Ponta Delgada, a suspensão, este ano, da operação sazonal de transporte marítimo de passageiros e viaturas inter-ilhas no arquipélago dos Açores.

Ana Cunha revelou, em conferência de imprensa, que “o Governo dos Açores entende que não estão reunidas condições para que o transporte marítimo de passageiros e viaturas inter-ilhas se realize, à semelhança do que tem vindo a acontecer anteriormente”.

Recorde-se que a 18 de Março, o Conselho do Governo deliberou suspender as ligações aéreas inter-ilhas praticadas pela SATA Air Açores e também as ligações aéreas da Azores Airlines para o exterior da Região.

Na mesma reunião do Conselho do Governo foi também aprovada a suspensão das ligações marítimas de passageiros e viaturas, a cargo da Atlânticoline, entre todas as ilhas da Região, sendo que ambas as empresas, no âmbito do seu sector de actividade, continuam a assegurar as ligações e a capacidade de transporte de carga e passageiros, desde que classificados como casos de força maior, cumprindo assim a respectiva e importante missão de serviço público.

Assim sendo, foi deliberado pelo Conselho do Governo, “e após parecer da Autoridade de Saúde Regional, suspender, em 2020, a operação sazonal, dita ‘operação de Verão’, de transporte marítimo de passageiros e viaturas entre as ilhas da Região”, afirmou a titular da pasta dos Transportes, acrescentando que “essa operação será retomada em 2021”.

A Secretária Regional recordou que neste momento encontram-se também suspensas as ligações marítimas regulares de transporte marítimo de passageiros e viaturas entre as ilhas do Faial, Pico e São Jorge, “excepto o transporte de carga e casos de força maior, desde que devidamente autorizados pela Autoridade de Saúde Regional”.

Ana Cunha sublinhou que a expectativa do Governo é de que, “assim que for levantada a suspensão das ligações marítimas regulares, as mesmas possam ser retomadas e, de acordo com o horário de Verão da Atlânticoline e recorrendo à sua frota própria, se possa realizar a operação entre as ilhas do Faial, Pico, S. Jorge e Terceira, bem como a operação entre as Ilhas das Flores e Corvo”.

“O Governo dos Açores considera que é seu dever continuar a encorajar vivamente os açorianos a não viajarem para fora da sua ilha de residência, a fim de evitar ao máximo a propagação do novo coronavírus, responsável pela doença Covid-19”, frisou a Secretária Regional, lembrando que “vivemos tempos extraordinários, que requerem, aqui e agora, medidas extraordinárias, de forma a que possamos continuar a trabalhar para, de forma ponderada e segura, fazer com que a actividade social e económica dos Açores consiga regressar à normalidade possível”.

Vários equipamentos de protecção oferecidos à Santa Casa de Nordeste e Centro de Saúde

equipamentos nordeste 1

O Movimento Todos pelos Açores anunciou ontem que continua a apoiar “todos aqueles que se encontram na linha da frente no combate ao Covid-19”, revelando que, em colaboração com a USISM - Unidade de Saúde da Ilha de São Miguel, entregou  equipamento de protecção individual para a Santa Casa da Misericórdia de Nordeste e para a enfermaria do Centro de Saúde do Nordeste dedicada ao tratamento de doentes infectados com Covid-19. 

No total, foram entregues 35 fatos de protecção classe III, 10 viseiras de protecção reutilizáveis, 10 óculos de protecção reutilizáveis, 460 toucas, 760 cobre-sapatos, 210 batas impermeáveis, 160 máscaras FFP2, 1800 luvas de látex, 200 manguitos de plástico e 2 sprays desinfetantes de 750ml.