Edit Template

Cristina Calisto recebe Associaçãode Pais e Encarregados de Educação da EBI da Lagoa

A Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, Cristina Calisto, recebeu no edifício dos Paços do Concelho, a Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Básica Integrada de Lagoa (APEEEBIL), com a presença do seu Presidente, Pedro Tavares, e de outros elementos dos órgãos sociais, com o objectivo de conhecer o seu plano de actividades para o ano de 2024.
Na ocasião, Cristina Calisto deu as boas-vindas aos novos elementos da direcção, desejando votos de sucesso naqueles que são os seus objectivos e referiu que a Câmara Municipal de Lagoa se encontra disponível para apoiar em tudo o que estiver ao seu alcance, principalmente em termos institucionais e logísticos. Reconheceu, ainda, a importância do papel desta associação na comunidade educativa que, para além das actividades e dinâmicas desenvolvidas, tem vindo a marcar presença em diversos órgãos e projectos, como a Assembleia de Escola, na Equipa Multidisciplinar de Apoio à Educação Inclusiva, no Conselho Eco-escolas, no Conselho Local de Educação, no Plano Escolar de Prevenção ao Bullying e Cyberbullying, no Concurso de Empreendedorismo e na Federação de Associação de Pais dos Açores.
Pedro Tavares apresentou os vários projectos que a associação tem planeados para o ano de 2024, assim como as medidas concretas que têm como objectivo a valorização e aproximação dos pais e encarregados de educação e os demais actores no fenómeno educativo local, regional e até nacional. Aproveitou o dirigente para destacar a relação de proximidade e empatia com o Conselho Executivo da EBI Lagoa, que tem sido o mais forte aliado da associação da prossecução do objectivo fulcral do fortalecimento da comunidade educativa.
O plano de actividades apresentado pretende ser um reflexo da intenção da APEEEBIL, como parceiro activo na comunidade, sendo importante o apoio e confiança da autarquia lagoense para articular os meios e estratégias que considere adequados ao longo do ano.
Desta forma, a associação propõe-se a implementar actividades relacionadas com a promoção da leitura, a problemática do espectro do autismo, a capacitação da comunidade educativa, a promoção de hábitos de vida saudável, a temática do bullying e cyberbullying e a promoção de actividades extracurriculares como meio de ocupação dos tempos livres, temáticas resultantes dos eixos de acção aprovados em Assembleia Geral daquela entidade.

Edit Template
Notícias Recentes
Produtores e Industriais das pescas criticam Lotaçor por praticar preços superiores à congénere madeirense
Menos pescado e menos valor descarregados em Maio nos portos dos Açores
Insolvências subiram 117% em Ponta Delgada nos primeiros 5 meses deste ano
O melhor do nacional de surf é já depois de amanhã na Ribeira Grande
Bolieiro diz que incêndio deve ser encarado como oportunidade para tornar HDES numa “referência”no país
Notícia Anterior
Proxima Notícia

Copyright 2023 Diário dos Açores